Apesar de ameaça de greve, ônibus iniciam operações normalmente em Campo Grande (MS)

Ônibus em Campo Grande

Assembleia que decidiria paralisação na madrugada foi adiada. Trabalhadores reclamam de mudança nas punições por parte da prefeitura

ADAMO BAZANI

O início das operações dos ônibus em Campo Grande (MS) foi normal, mesmo com a ameaça de greve dos motoristas e demais funcionários do sistema de transportes públicos da cidade.

De acordo com a imprensa local, os coletivos saíram como habitualmente das garagens para as linhas.

Os trabalhadores estão descontentes com um decreto da prefeitura que transforma punições administrativas por falhas na operação em multas aos operadores, como parar fora do ponto ou atrasar viagem.

O Consórcio Guaicurus, que reúne as operações dos ônibus, protocolou no MPT – Ministério Público do Trabalho, uma denúncia contra a paralisação relâmpago que ocorreu em 20 de julho pelo mesmo motivo. O órgão analisa se vai sugerir a punição dos responsáveis pelo protesto.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta