Palhoça (SC) prevê retomar transporte coletivo na próxima segunda, 08

Transporte coletivo em Palhoça. Foto: Divulgação.

Medida foi acertada com as prefeituras de São José e Biguaçu, todas cidades da Grande Florianópolis

ALEXANDRE PELEGI

As cidades catarinenses de São José, Palhoça e Biguaçu, da Grande Florianópolis, acordaram nesta sexta-feira, 5 de junho de 2020, que retomarão o transporte coletivo municipal nesta segunda-feira, 8.

A circulação de ônibus no território de Florianópolis, no entanto, se mantém proibida até o dia 17. Relembre: Florianópolis e Joinville decidem retomar transporte coletivo

A decisão foi adotada, após reunião, na última quarta-feira, 3, entre os prefeitos de Palhoça, Camilo Martins, de Biguaçu, Ramon Wollinger, e São José, Adeliana Dal Pont, e empresários do transporte coletivo.

Foi definido em comum acordo que os ônibus voltam a circular com linhas municipais e intermunicipais entre as três cidades.

Ficou estabelecido ainda que a capacidade máxima é de 50% da lotação para cada coletivo e o uso de álcool gel e máscaras, cobrindo boca e nariz, serão obrigatórios, para funcionários e usuários.

Conforme orientação da Vigilância Municipal em Saúde, os veículos precisam receber higienização sanitária diariamente e, após cada itinerário.

Nesta quinta-feira, 4, Palhoça já editou o Decreto Municipal nº 2.596/2020 que define as condições para o retorno do transporte coletivo no município, em linhas municipais e intermunicipais da região metropolitana. O decreto veda o acesso de pessoas com mais de 60 anos.

Como Florianópolis definiu o retorno do transporte coletivo em seu território somente no dia 17 de junho, a Estação Palhoça permanecerá desativada e as linhas intermunicipais, entre São José, Palhoça e Biguaçu, continuam funcionando da mesma forma.

Para se dirigir até Biguaçu, o morador de Palhoça utiliza a linha do seu bairro até o ponto de ônibus mais próximo na marginal da BR-101, onde aguarda o veículo que vai até o destino final, e realiza o caminho inverso para voltar.

Quem precisa ir até São José, também deve usar a linha do bairro até o ponto central da cidade (em frente ao Mercado Público) e ali aguardar o coletivo que o levará ao município vizinho, pagando a diferença da passagem.

O pagamento da viagem deverá ser efetuado, preferencialmente, através de cartão.

De segunda até sexta-feira, os ônibus devem funcionar com horário de sábado.

Como resultado, aos sábados, as linhas funcionarão com o estabelecido de domingo. Até o momento, não haverá circulação aos domingos.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Vilma vilma disse:

    Semtimos medo mais temos ke trabalha o medo de umcolapis em palhoca e gramde pois nao temos nem um hospital depemdemos de sao jose ou floripa muimto triste.

Deixe uma resposta