Santo André reabre concessionárias e escritórios neste sábado

Publicado em: 5 de junho de 2020

Decreto será publicado neste sábado, quando entrará em vigor. Foto: Victor José.

Decreto também incluirá revendedoras de automóveis; ABC Paulista, porém, segue na ‘fase vermelha’ para retomada de acordo com a classificação do Governo do Estado

JESSICA MARQUES / WILLIAN MOREIRA

A Prefeitura de Santo André, no ABC Paulista, informou em nota ao Diário do Transporte que vai liberar o funcionamento de concessionárias, revendedoras de automóveis e escritórios.

Os estabelecimentos poderão ser abertos a partir deste sábado, 06 de junho de 2020. A retomada dos serviços será oficializada por meio de um decreto do prefeito Paulo Serra, que será publicado também amanhã, 06.

“A administração municipal considera que Santo André, há mais de uma semana, tem índices que permitem que a cidade seja classificada como fase laranja, de acordo com os critérios do Plano São Paulo, do Governo do Estado”, informou a Prefeitura, em nota.

Confira as regras de funcionamento, detalhadas pelo prefeito:

Em entrevista ao Repórter Diário, o prefeito Paulo Serra informou que todas as medidas sanitárias serão tomadas para que a retomada seja feita de forma gradual.

“Já pedi aval ao nosso jurídico, da mesma forma, as mesmas atividades a partir de sábado, vamos tomar as mesmas medidas, de maneira gradual, dentro da lei para que tenha estabilidade nessa retomada para o próprio comerciante. Não seria justo fazer um decreto abrindo e depois a justiça fechar. Todos os cuidados sanitários serão tomados”, disse.

Além disso, Serra afirmou que vai tomar medidas independentemente das determinações do governador João Doria, contudo, de forma regional e consensual.

“Independentemente do Governo do Estado, nós vamos tomar nossas medidas, mas claro, se for de forma consensual e regional da muito mais estabilidade para toda região”, disse.
“A quarentena, quando é decretada pelo estado, segundo o STF, os municípios só tem autonomia para restringir, não para flexibilizar”, explicou.

Apesar da reabertura, o ABC Paulista ainda está na fase vermelha, ou seja, de acordo com o Governo do Estado, ainda não está pronto para que o comércio e atividades que estão fechadas sejam retomadas. A medida de fechamento ocorreu por determinação estadual em combate ao novo coronavírus.

“Não acho justo a capital abrir com o ABC fechado, da mesma forma que não é seguro para nossa gente abrir o ABC com a capital fechada. Os índices da capital são muito piores que o nosso”, justificou o prefeito.

O secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi, disse que o ABC Paulista tem chances concretas de mudar da fase vermelha, a mais restritiva, para a fase laranja, igual da capital paulista, que permite algum tipo de abertura, apenas na próxima semana.

Relembre: Com mais 70 respiradores, ABC poderá ir para a fase laranja da quarentena, diz Vinholi

Confira o decreto, na íntegra:

Decreto nº 17.393 (Retomada gradual e consciente da economia) (1)-1Decreto nº 17.393 (Retomada gradual e consciente da economia) (1)-2Decreto nº 17.393 (Retomada gradual e consciente da economia) (1)-3Decreto nº 17.393 (Retomada gradual e consciente da economia) (1)-4

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. luh disse:

    Ao permitir a abertura da capital paulista com indeces muito abaixo da regiao do ABC o governador perdeu totalmente a legitimidade. Agora eh CADA UM PRA SI….

  2. Denis Luque disse:

    Poderiam informar o link ou número do decreto municipal? Obrigado

    1. jessicabus disse:

      Inserimos ao final da matéria o decreto na íntegra!

Deixe uma resposta