Prefeitos do ABC Paulista protocolam pedido de mudança das regras de flexibilização da quarentena na região

Proposta foi entregue ao secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. Foto: Divulgação/Consórcio ABC.

Proposta do Consórcio Intermunicipal Grande ABC foi feita na noite desta quinta-feira, 28

JESSICA MARQUES

O Consórcio Intermunicipal Grande ABC protocolou, na noite desta quinta-feira, 28 de maio de 2020, uma proposta de reconsideração das regras de flexibilização da quarentena na região.

O pedido inclui as cidades de Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra. A solicitação do colegiado de prefeitos foi entregue ao secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, em reunião realizada no Palácio dos Bandeirantes.

Na região, o Governo do Estado de São Paulo não permitiu o relaxamento da quarentena até 15 de junho. Contudo, a capital paulista vai retomar parcialmente algumas atividades a partir do dia 1º.

O critério para a decisão foi um conjunto de fatores, como capacidade das UTIs e avanço ou redução dos casos e mortes em períodos consecutivos de 14 dias.

Relembre: Prefeitos do ABC se dizem “indignados” com o fato de a região não poder relaxar quarentena como a capital

RELAXAMENTO

De acordo com o Consórcio, Vinholi informou que levará o documento ao governador João Doria. O argumento dos prefeitos é de que o estado reavalie a possibilidade de relaxar a quarentena no ABC Paulista, como fez na capital, com base da divisão das Redes Regionais de Atenção à Saúde.

“O documento ressalta que a Região Metropolitana de São Paulo é dividida em seis diferentes Redes Regionais de Atenção à Saúde (RRAS), sendo uma delas correspondente ao Grande ABC. A proposta do Consórcio ABC pleiteia a transição das sete cidades para o mesmo grau da capital na nova fase do plano de retomada econômica do Estado”, detalhou o Consórcio, em nota.

O ofício foi entregue ao secretário estadual pelo presidente do Consórcio ABC e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, pelo vice-presidente da entidade regional e prefeito de Diadema, Lauro Michels, e pelo prefeito de Mauá, Atila Jacomussi.

Os prefeitos de Santo André, Paulo Serra, de São Bernardo, Orlando Morando, de São Caetano, José Auricchio Júnior, e de Ribeirão Pires, Adler Teixeira (Kiko), acompanharam o encontro virtualmente.

“A expectativa do colegiado de prefeitos é que o governador acolha o pedido e faça o anúncio amanhã, durante coletiva de imprensa”, afirmou Maranhão. A coletiva do Governo do Estado está marcada para 12h30.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta