Estado de São Paulo registra 49% de isolamento social nesta segunda-feira

Publicado em: 19 de maio de 2020

Nesta segunda-feira, a cidade de São Paulo registrou 3% de lentidão. Foto: Arquivo.

Dados foram divulgados na noite desta terça

JESSICA MARQUES

Nesta segunda-feira, 18 de maio de 2020, primeiro dia do retorno ao rodízio normal na capital paulista, o estado de São Paulo registrou 49% de isolamento social. Os dados foram divulgados pelo Governo do Estado nesta terça, 19.

O isolamento social, segundo o Governo, é uma medida importante para reduzir o contágio pelo novo coronavírus. Os dados são medidos por meio do SIMI-SP (Sistema de Monitoramento Inteligente).

De acordo com as equipes de saúde do Governo do Estado de São Paulo, o índice aceitável de isolamento para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus é de 55%. O ideal é considerado acima de 70%.

Na capital paulista, a suspensão do rodízio mais rigoroso, que estava em vigor desde o dia 11 de maio, ocorreu nesta segunda-feira. Segundo o prefeito Bruno Covas, mesmo com a medida o isolamento social da capital paulista não aumentou de forma satisfatória, mantendo-se abaixo de 50%.

Relembre: Bruno Covas anuncia fim do rodízio ampliado na capital paulista

Nesta segunda-feira, a cidade de São Paulo registrou 3% de lentidão nas vias monitoradas pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), entre as 7h e 8h30.

O número é bem abaixo da média para o dia e horário, que é entre 5% a 9%. Entretanto, no início da quarentena, no fim de março, a cidade não registrou congestionamentos.

Relembre: No 1º dia de rodízio normal, São Paulo registra 3% de lentidão nas vias monitoradas pela CET

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta