Gestão Doria se reúne com prefeitos para antecipar feriados na Grande São Paulo e parte do interior e do Litoral

Publicado em: 18 de maio de 2020

Ônibus em Guarulhos, uma das cidades que podem antecipar feriados

Objetivo é que nos dias 26 e 27 de maio, paradas antecipadas aumentem isolamento

ADAMO BAZANI

O secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Antonio Scarasati Vinholi, vai se reunir virtualmente  com prefeitos para antecipar os feriados municipais para 26 e 27 de maio e aumentar o isolamento. Seriam antecipados feriados de Corpus Christi e do Dia da Consciência Negra.

A declaração foi dada há pouco, em entrevista coletiva junto ao governador João Doria.

Nesta segunda-feira, a reunião será às 16h com o Conselho Municipalista com prefeitos de diferentes regiões. Amanhãs, às 09h, o encontro virtual será com os prefeitos das 39 cidades da Grande São Paulo e na parte da tarde com prefeitos do Litoral Paulista.

Na mesma coletiva, Doria anunciou que q vai enviar à Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo projeto para antecipar para o dia 25 de maio, próxima segunda-feira, o feriado de 9 de julho.

O objetivo é ampliar o isolamento social neste momento de crescimento dos casos e mortes da Covid-19.

O prefeito Bruno Covas pediu também a antecipação dos feriados de Corpus Christi e de Consciência Negra para quarta e quinta-feira.

Assim haveria feriado na quarta e quinta, sexta-feiea seria ponto facultativo e segundo emendaria com o feriado estadual.

Doria recomendou aos prefeitos do estado, em especial da região metropolitana a antecipação de feriados municipais pata a semana que vem.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Fabiano Moreno disse:

    Bom so queria saber como vao fazer 6 dias de feriado o povo vai descer em peso para litoral
    Como fizerao no dia das maes? Se a baixada ta sofrendo pq os paulistas vem em peso nao se cuidao e trazem virus para nossa regiao quer fazer feriado mas nao esquecao de fechar o pedagio anchieta imigrantes pq nao adianta nada
    Feriado para isolamneto se povo acha que e ferias quero ver oq vao fazer sobre isto? .

  2. Simone Cardoso disse:

    Só espero que agora sim ! deixe o rodizio geral em todas as placas, mantendo liberado apenas dos funcionários da saúde, policiais, agente penitenciário e outros essenciais. E que fechem todas as principais rodovias e vias de acesso. E que o povo tenha um pouco de consciência que a medida é para se proteger e proteger o próximo e não sair fazendo churrasco.

  3. KAROLYNE SOUTO DE REZENDE disse:

    O prefeito é o Governador só têm idéias ruins, nunca vi igual, eles não trabalham na conscientização, só trabalham no medo e no caos. Essa é só mais uma ideia sem pé nem cabeça, que vai sim causar aglomerações. Deixa o pessoal ir trabalhar, pelo menos estão restritos ao local de trabalho, ainda bem que o rodízio de SP voltou ao normal porque foi um absurdo grande lotar ônibus, pois quem tem que trabalhar vai de qualquer jeito.Eu não entendo que gestão é essa que João Dória tanto fala. Não vai autorizar a cloroquina, quero ver ele ficar doente e precisar se não vai tomar. Acho ridículo os médicos se prestarem a esse absurdo de não receitarem um remédio que pode salvar uma vida porque são ordens do Governador.Cada um tem que escolher o que é bom para si mesmo, sabemos que todo medicamento tem diversos riscos, isso se chama democracia.

Deixe uma resposta