Técnicos da Mercedes-Benz atendem clientes via WhatsApp 24 horas por dia

Publicado em: 17 de maio de 2020

Service24h assegura assistência a operadores em qualquer lugar do país, segundo a fabricante

JESSICA MARQUES

A Mercedes-Benz informou, por meio de nota, que está realizando atendimento por WhatsApp para motoristas de caminhões e ônibus que precisarem do Service24h.

Assim, quem precisar do serviço pode enviar uma mensagem ao número (19) 98450-0010 e aguardar instruções, que chegam instantes depois.

Por meio do Service24h, técnicos especializados e treinados oferecem um serviço assistencial, acessível 24 horas por dia, segundo a fabricante.

“As condições de vigência desses benefícios, podem ser obtidas junto à Central de Relacionamento com o Cliente, via telefone 0800 970 9090.”

Ainda segundo a fabricante, além do WhatsApp, os clientes continuam com diversos outros canais de atendimento e relacionamento com a marca, como o telefone 0800 970 9090, o e-mail e o chat.

“Nosso objetivo é acelerar a comunicação com quem está na estrada e necessita de assistência técnica”, informou Silvio Renan, diretor de Peças e Serviços ao Cliente da Mercedes-Benz do Brasil.

“O WhatsApp agiliza o atendimento e o motorista pode, por exemplo, até fotografar o documento do veículo e enviar pelo próprio celular à nossa Central de Relacionamento com o Cliente. Isso agiliza todo o processo”, disse também.

De acordo com o executivo, “nesse difícil momento de pandemia, em que os caminhoneiros estão trabalhando para garantir produtos essenciais como alimentos, medicamentos, insumos e outras cargas, as praticidades do WhatsApp, como a comunicação direta e online, ajudam os clientes a agilizar a solicitação de seus benefícios assistenciais. Assim, eles podem continuar percorrendo o Brasil com comodidade e segurança”.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    Parabéns MBB!

    Tecnologia já existe, basta usar.

    Mas infelizmente o BARSILei não sabe usar tecnologia para assuntos sérios é claro.

    SAÚDE A TODOS!

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta