Intel compra Moovit por US$ 900 milhões

Publicado em: 5 de maio de 2020

Aplicativo será integrado à plataforma automotiva Mobileye

WILLIAN MOREIRA

A Intel anunciou nesta segunda-feira, 04 de abril de 2020, a compra do aplicativo Moovit, que exibe aos seus mais de 800 milhões de usuários em mais de 100 países, rotas de transporte público na região em que ele se encontra, rotas de deslocamento, entre outros. A compra do aplicativo foi no valor de 900 milhões de dólares.

A Intel já era uma das principais financiadoras do aplicativo, que além de serviços de rotas com foco no transporte público, também oferece serviço a operadoras de transporte e empresas privadas.

O Moovit será integrado à plataforma automotiva da Intel, a Mobileye, utilizada em sistemas automotivos, atualmente presente em 60 milhões de veículos de mais de 25 fabricantes.

De acordo com informações da Moovit, as duas plataformas integradas podem permitir ao usuário uma combinação maior de cálculos que resultam em rotas mais viáveis, já que o trabalho em conjunto resulta em mais possibilidades de trajetos.

“Estamos entusiasmados por unir forças com a Mobileye e liderar a futura revolução dos novos serviços de mobilidade. A mobilidade é um direito humano fundamental e como as cidades se tornam cada dia mais movimentadas, a mobilidade urbana se torna mais difícil. Combinando os hábitos diários de mobilidade e as necessidades de milhões de usuários da Moovit com o transporte de última geração, seguro, acessível e ecológico, habilitado por veículos autônomos, seremos capazes de tornar as cidades melhores lugares para se viver”, disse Nir Erez, co-fundador e CEO da Moovit, em nota divulgada para a imprensa.

Essa é mais uma adição da Intel ao sistema (Mobility-as-a-Service) MaaS e a adoção global de transporte autônomo, seja em carros, ônibus e robôs.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta