ANTT altera linhas de empresas como Consórcio Guanabara, Gontijo, Viação Catarinense e Viação Nacional

Publicado em: 5 de maio de 2020

Auto Viação Catarinense, do Grupo JCA, que reúne empresas como Cometa, Rápido Ribeirão, 1001 e Expresso do Sul. Foto: Fabricio do Nascimento Zulato

Agência atendeu a pedido da Expresso Maia para alteração de prefixos de 3 linhas

ALEXANDRE PELEGI

A Superintendência de Serviços de Transportes de Passageiros da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT alterou várias linhas interestaduais a pedidos de empresas de ônibus.

Pela Portaria nº 14, a Consórcio Guanabara de Transportes teve seu pedido atendido para a supressão da linha São João Del Rei (MG) – São Paulo (SP), prefixo nº 06-0065-00. Em seu lugar, a Agência autorizou a empresa a implantar a linha São João Del Rei (MG) – São Paulo (SP), prefixo nº 06-0065-60, com os mercados como seções: De: São João Del Rei (MG) e Lavras (MG) Para: São Paulo (SP).

O Grupo Guanabara reúne empresas rodoviárias como Expresso Guanabara, UTIL – União Transporte Interestadual de Luxo, Real Expresso e Rápido Federal.


Já pela Portaria nº 20, a Gontijo de Transportes Limitada foi autorizada pela ANTT a suprimir a linha Salvador (BA) – São Paulo (SP) prefixo nº 05-0093-00,  e em seu lugar implantar a mesma linha Salvador (BA) – São Paulo (SP), via BR 381, com os mercados a seguir como seções:

I – De: Salvador (BA), Poções (BA), Vitória da Conquista (BA), Teófilo Otoni (MG), Jequié (BA), Santo Estevão (BA), Feira de Santana (BA) e Belo Horizonte (MG) para: São Paulo (SP);

II – De: Jequié (BA), Salvador (BA), Feira de Santana (BA) e Vitória da Conquista (BA) para: Belo Horizonte (MG);

III – De: Salvador (BA) e Vitória da Conquista (BA) para: Coronel Fabriciano (MG) e Ipatinga (MG);

IV – De: Vitória da Conquista (BA) para: João Monlevade (MG).


Pela Portaria nº 96 a empresa Real Expresso Limitada, empresa do Grupo Guanabara, de Jacob Barata, foi atendida em seu pedido pela Agência para suprimir a linha Anápolis (GO) – Rio de Janeiro (RJ), prefixo nº 12-0443-60. Em seu lugar, a empresa poderá implantar a linha Anápolis (GO) – Rio de Janeiro (RJ), prefixo nº 12-0443-00, com os mercados a seguir como seções:

I – De: Anápolis/GO Para: Belo Horizonte/MG;

II – De: Goiânia/GO Para: Araxá/MG, Luz/MG, Nova Serrana/MG, Pará de Minas/MG, Belo Horizonte/MG e Rio de Janeiro/RJ.


A Auto Viação Catarinense Ltda foi atendida pela ANTT em duas Portarias.

Pela Portaria nº 115, a Catarinense  foi autorizada, na linha Curitiba (PR) – Criciúma (SC), prefixo 09-0034-00, a suprimir as seções Curitiba (PR) – Joinville (SC), Curitiba (PR) – Balneário Camboriú (SC) e Curitiba (PR) – Florianópolis (SC). Pela mesma Portaria, a Agência autorizou a empresa a implantar na mesma linha, como seções, os mercados Curitiba (PR) – Imbituba (SC) e Curitiba (PR) – Laguna (SC).

Já pela Portaria nº 174, a Auto Viação Catarinense foi atendida pela Agência em seu pedido para a supressão das seguintes seções, operadas na linha Balneário Camboriú (SC) – Santa Maria (RS), prefixo 16-0135-00:

I – De Balneário Camboriú (SC) para: Torres (RS), Porto Alegre (RS) e São Leopoldo (RS);

II – De Araranguá (SC), Tubarão (SC) e Criciúma (SC) para: São Leopoldo (RS), Venâncio Aires (RS), Santa Cruz do Sul (RS) e Santa Maria (RS);

III – De Florianópolis (SC) para: São Leopoldo (RS).


A Viação Nacional S.A., pela Portaria nº 116, foi autorizada pela ANTT a suprimir a linha Natal (RN) – São Paulo (SP), prefixo 14-0007-00. Na mesma Portaria, a Viação foi autorizada a implantar a mesma linha Natal (RN) – São Paulo (SP), via Rio de Janeiro (RJ), com os seguintes mercados como seções:

I – De Natal (RN) para: São José dos Campos (SP);

II – De São Paulo (SP) para: Propriá (SE);

III- De Rio de Janeiro (RJ) para: Natal (RN), Maceió (AL), Itabuna (BA), Eunápolis (BA), Teixeira de Freitas (BA), São Mateus (ES) e Linhares (ES);

IV- De Campos dos Goytacazes (RJ) para: Itabuna (BA), Eunápolis (BA), Teixeira de Freitas (BA), São Mateus (ES) e Linhares (ES).


Por fim, e pelas Portarias números 301, 302 e 307, a ANTT autorizou a alteração do prefixo de três linhas da empresa Expresso Maia Ltda:

– linha Anápolis (GO) – Barra do Corda (MA), passando do nº 12-0293-00 para o nº 12-0293-60;

– linha Goiânia (GO) – Peixe (TO), passando o prefixo nº 12-0295-00 para o nº 12-0295-60.

– linha São Luís de Montes Belos (GO) – Barra do Garças (MT), passando do prefixo nº 12-0160-00 para o prefixo nº 12-0160-60.


05maio_0105maio_02


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta