Sancetur vai disponibilizar a interventor do transporte em Atibaia frota que foi retirada de garagem na segunda-feira

Foto: Felipe Rangel

Em nota, empresa diz ainda que responsabilidades trabalhistas passam ser da prefeitura de Atibaia com a intervenção

ALEXANDRE PELEGI

A Sancetur – Santa Cecília Turismo Ltda, divulgou nota neste sábado, 18 de abril de 2020, sobre o processo de intervenção deflagrado pela prefeitura de Atibaia, interior de São Paulo, nos serviços de transporte público operados pela empresa, sob o nome fantasia SOU Atibaia.

Como mostrou o Diário do Transporte, a Prefeitura assumiu temporariamente a gestão do transporte por meio de decreto publicado no dia 05 de abril. Relembre: Prefeitura de Atibaia decreta intervenção no transporte coletivo

Para isso, a Prefeitura nomeou um interventor responsável por coordenar as atividades administrativas e operacionais. Segundo a administração municipal, o objetivo é garantir que os serviços prestados à população não sejam interrompidos.

Na Nota de Esclarecimento, a Sancetur afirma que vinha vem operando normalmente o serviço público não só em Atibaia, como nos municípios de Valinhos, Americana, Indaiatuba e Limeira.

Ainda segundo a empresa, no início do do mês, a empresa protocolou ofício solicitando auxílio financeiro à Prefeitura para manutenção do serviço e emprego de seus funcionários, “como foi feito em todas as cidades que operamos e por praticamente todas operadoras de transporte público do país”. Na sequência, segundo a Sancetur, a Prefeitura “achou por bem decretar intervenção na concessão do serviço de transporte Atibaia”.

Após afirmar que todas as obrigações com seus funcionários, fornecedores e instituições financeiras estavam em dia no momento da intervenção, a empresa afirma que parte da frota que foi para outra unidade da empresa para manutenção “será disponibilizada ao Sr. Interventor, a partir do dia 20/04/20 revisada e em plenas condições de uso”.

Além disso, cabe ao Interventor nomeado e ao Município de Atibaia “manter rigorosamente em dia todos os compromissos com os funcionários, fornecedores, tributos e instituições financeiras, decorrentes da operação, bem como responder por eventual inadimplência”.

Leia a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO:

Atibaia, 18 de abril de 2020.

A Sancetur – Santa Cecília Turismo Ltda, vem a público informar o que segue:

I – nossa empresa vem operando normalmente o serviço público de transporte coletivo nos Municípios de Valinhos, Americana, Indaiatuba e Limeira.

II – no começo do mês, depois de protocolo de ofício solicitando auxílio financeiro à Prefeitura para manutenção do serviço e emprego de nossos colaboradores, como foi feito em todas as cidades que operamos e por praticamente todas operadoras de transporte público do país, a Prefeitura, sem nenhum aviso prévio, negociação ou busca de solução conjunta, achou por bem decretar intervenção na concessão do serviço de transporte Atibaia;

III – na oportunidade da intervenção o serviço público vinha sendo prestado – com frota proporcionalmente superior à demanda decorrente da pandemia da Covid-19 – e estava garantido;

IV – a intervenção foi decretada no dia 05 de abril de corrente;

V – após a decretação da intervenção a Sancetur pagou a folha de salários dos colaboradores e entregou a cesta básica;

VI – todas nossas obrigações com funcionários, fornecedores e instituições financeiras estavam em dia;

VII – a Sancetur possui regularidade fiscal com a União, Previdência Social e FGTS;

VIII – parte da frota que foi para outra unidade da empresa para manutenção será disponibilizada ao Sr. Interventor, a partir do dia 20/04/20 revisada e em plenas condições de uso;

IX – com a tomada de decisão da intervenção cabe ao Sr. Interventor nomeado e ao Município de Atibaia manter rigorosamente em dia todos os compromissos com os funcionários, fornecedores, tributos e instituições financeiras, decorrentes da operação, bem como responder por eventual inadimplência;

X – durante o período de intervenção a Prefeitura deverá garantir, no que se refere à operação de Atibaia, a manutenção da regularidade fiscal da empresa com a União e Previdência Social, bem como o FGTS;

XI – esperamos que a intervenção termine na maior brevidade possível, nos possibilitando a retomada do serviço, e que nossos colaboradores, fornecedores e a própria Sancetur não sofram prejuízos irreparáveis em razão da intervenção abruptamente realizada; e

XII – reforçamos nosso compromisso com a prestação de serviços à população do transporte público de Atibaia.

nota Sancetur


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Que a quem de direito venha informar à população de Atibaia, sobre os novos horários de ônibus urbanos e, sua data de circulação no município.

Deixe uma resposta