Rondônia prorroga restrições, mas quarentena segue até dia 25 de abril

Fiscais da Agero explicaram sobre o uso de máscaras na linha Porto Velho-Candeias

Decreto do governo determina capacidade máxima de passageiros sentados e obrigatoriedade de máscaras no transporte

ALEXANDRE PELEGI

O governador de Rondônia, Marcos Rocha, divulgou novo decreto nesta sexta-feira, 17 de abril de 2020, determinando a obrigatoriedade do uso de máscaras no transporte coletivo de passageiros municipal, urbano e rural, em todo o território do Estado.

Além disso, os veículos do transporte coletivo não poderão exceder à capacidade máxima de passageiros sentados.

Desta forma, o decreto do govenador decidiu prorrogar as proibições para funcionamento de empresas e a suspensão de aulas das redes pública e privada até o próximo dia 25.

Este será o último dia da quarentena, o que poderá mudar caso o Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública do Ministério da Saúde faça alterações na Portaria nº 356, que definiu o tempo máximo do isolamento social em 40 dias.

rondon_01rondon_02

AGÊNCIA FISCALIZA PASSAGEIROS EM PÉ EM ÔNIBUS INTERMUNICIPAIS

A Estação Rodoviária da Capital Porto Velho é observada 24 horas pela Agência de Regulação de Serviços Públicos Delegados do Estado de Rondônia (Agero). Na rodovia BR-364, os fiscais verificam, interna e externamente, ônibus de linha e de turismo.

O objetivo principal dos fiscais é evitar aglomerações nos pontos mais sujeitos ao contágio do novo coronavírus.

Na semana passada, a Agero recebeu denúncia a respeito de um ônibus lotado na linha Porto Velho-Candeias do Jamari. Fiscais foram enviados ao posto da Polícia Rodoviária Federal, na rodovia BR-364, e abordaram motoristas, cobradores e passageiros, dirigindo-lhes rápida palestra educativa.

Diversos ônibus foram parados, a fim de se verificar o cumprimento do limite de passageiros.


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta