Bruno Covas vai escalonar atividades para evitar lotação em transporte público

Medida será igual ao que Crivella fez no Rio, mas sem decreto

ADAMO BAZANI

A partir da próxima semana, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, vai implantar em parceria com a iniciativa privada um sistema de horários escalonados das atividades econômicas que são essenciais e têm autorização de funcionar.

O objetivo é evitar aglomerações e principalmente lotação no transporte público.

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, adotou sistema semelhante, mas diferentemente do colega, Bruno Covas não deve fazer um decreto, mas vai procurar entendimento com o comércio e empresários.

Uma das ideias é que parte das lojas funcione das 7h às 16h e outra parte das 11h às 19h.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta