Teresina suspende passe estudantil e operação de ônibus no feriado

Segundo a Prefeitura, no feriado há pouca procura pelo transporte público. Foto: Divulgação.

Segundo a Prefeitura, 12% dos passageiros que continuam utilizando diariamente o transporte público são estudantes

JESSICA MARQUES

O prefeito de Teresina, no Piauí, Firmino Filho, assinou um decreto suspendendo o passe estudantil no transporte público da capital.

O decreto já está em vigor nesta quarta-feira, 08 de abril de 2020. Segundo a Prefeitura, 12% dos passageiros que continuam utilizando diariamente o transporte público são estudantes.

O número corresponde a, aproximadamente, 2.500 pessoas. A medida tem como objetivo evitar as aglomerações como forma de auxiliar no enfrentamento à pandemia provocada pelo novo coronavírus.

SUSPENSÃO

Além disso, o funcionamento do transporte público municipal estará suspenso em Teresina nesta Sexta-Feira Santa, 10, e no domingo de Páscoa, 12.

“No sábado, 11, está garantido o serviço de transporte público na cidade, como vem sendo realizado desde o decreto municipal de 23 de março, que determina a redução da frota. A medida foi adotada devido ao agravamento da crise de saúde pública, em decorrência da pandemia da COVID-19”, informou a Prefeitura, em nota.

De acordo com a Prefeitura, a medida da Strans (Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito) faz parte da Portaria Nº 01 /2020, de terça-feira, 07.

A publicação tem base na Lei nº 2.620, de 26 de dezembro de 1997, que cria a Strans.

“Tanto a Prefeitura de Teresina quanto o Governo do Estado já decretaram estado de calamidade pública por meio do Decreto Municipal nº 19.537, de 20.03.2020, e do Decreto Estadual nº 18.895, de 19.03.2020, respectivamente. Verifica-se também que nesses feriados existe pouca procura pelo serviço de transporte público.”

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta