BRT de Belém é fechado para higienização contra o Coronavírus

Publicado em: 28 de março de 2020

Foto: prefeitura de Belém

Terminais e estações paralisaram na tarde deste sábado, 28, e só reabrirão a partir de segunda, 30

ALEXANDRE PELEGI

Em comunicado divulgado no fim da manhã deste sábado, 28 de março de 2020, a Prefeitura de Belém, capital do Pará, informou que as estações e terminais do sistema BRT seriam fechados à tarde.

A Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan) explica que fará o serviço de higienização completa nos locais, para minimizar os riscos de disseminação do novo Coronavírus.

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB) determinou o fechamento a partir das 13h de hoje, após a saída da última linha troncal do Terminal Maracacuera.

Com o fechamento, “os ônibus troncais passarão a sair dos bairros (Brasília, em Outeiro, e Paracuri I e II, em Icoaraci) e seguirão itinerário fora da canaleta, utilizando as paradas comuns para fazer o embarque e desembarque de passageiros”, informou a SeMOB.

Gilberto Barbosa, superintendente da SeMOB, explica que a evacuação completa de terminais e estações é necessário para que os locais possam receber uma limpeza prévia feita pelas equipes de manutenção, para então receber a higienização específica dos profissionais da Sesan. “Esta higienização é um procedimento delicado, porque os terminais e estações têm equipamentos eletrônicos que não podem ser molhados. Vamos aproveitar o momento de menor movimento para fazer o fechamento, sem desassistir os usuários, visto que as linhas seguirão itinerário normalmente por fora da canaleta”, explica o gestor.

Ainda hoje, a partir das 16h, estava programada a lavagem a partir do Terminal BRT de São Brás até o Terminal Maracacuera, incluindo também as passarelas localizadas na avenida Almirante Barroso. A limpeza será feita com um jato de alta pressão, sabão, detergente e hipoclorito de sódio.

Os abrigos de paradas de ônibus de São Brás já receberam a ação de higienização ao longo da semana”, completa o comunicado.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta