Coronavírus: Rio de Janeiro limita gratuidade em ônibus municipais e suspende BRT na madrugada

Medida já está em vigor. Foto: Adamo Bazani / Diário do Transporte.

Idosos, que tinham número ilimitado de viagens, agora têm direito a quatro passagens gratuitas por dia

JESSICA MARQUES

A Prefeitura do Rio de Janeiro informou nesta sexta-feira, 27 de março de 2020, que a gratuidade para idosos em ônibus municipais foi limitada.

A decisão foi tomada em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Pessoas com 60 anos ou mais estão no grupo de risco do Covid-19 e devem evitar aglomerações.

Desta forma, houve a limitação da gratuidade para idosos nos ônibus municipais. O objetivo da Prefeitura é que este público use o transporte “se precisarem se deslocar para obter atendimento médico”.

Desta forma, com a limitação, as viagens, que antes eram livres, passam a ter o limite de quatro por dia.

BRT SUSPENSO

Outra medida anunciada pela Prefeitura é que os serviços do BRT estão suspensos durante a madrugada e estações com baixa procura ficarão fechadas.

Desde quarta-feira, 25, todas as estações do BRT não funcionam de 0h às 4h, tendo em vista que a procura de passageiros nas madrugadas já é muito reduzida.

Relembre: BRT Rio divulga mudanças operacionais e fechamento de estações

“Esta é uma iniciativa da Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Transportes, inteiramente alinhada com o BRT”, informou a Prefeitura, em nota.

Além disso, 27 estações, com baixa demanda de passageiros, localizadas nos três corredores ficarão fechadas temporariamente, também a partir de quarta, a fim de evitar qualquer aglomeração.

“Desta forma, as ações de fiscalização para controlar o embarque dos passageiros, que só podem ser transportados sentados, serão aprimoradas.”

As estações que ficarão fechadas, por corredor, são:

Transoeste – General Olímpio, Cajueiros, Vendas de Varanda, Embrapa, Dom Bosco, Recanto das Graças, Guiomar Novaes, Nova Barra, Benvindo Novaes, Guignard, Gelson Fonseca, Golfe Olímpico, Américas Park, Bosque da Barra, Paulo Malta Resende;

Transcarioca – Praça do Bandolim, Rec. das Palmeiras, André Rocha, Pinto Teles, Vila Queiroz, Marambaia, Vila Kosmos, Praça do Carmo e Ibiapina;

Transolímpica – Catedral do Recreio, Olof Palme e Minha Praia.– Criação de duas linhas temporárias de ônibus convencionais (Campo Grande x Alvorada e Santa Cruz x Alvorada), com o objetivo de aumentar a oferta de assentos no deslocamento entre os trechos, tendo em vista a determinação de que os passageiros devem ser transportados sentados.

Os itinerários não terão paradas intermediárias e os ônibus vão circular paralelamente à pista do BRT Transoeste.

MULTAS

A Prefeitura informou também que os fiscais da SMTR (Secretaria Municipal de Transportes) aplicaram até esta quinta-feira 95 multas por descumprimento das regras de combate à pandemia.

“Devido à suspensão temporária nos demais postos da SMTR, Recursos de Multas e Apresentação de Real Infrator só poderão ser enviados pelos Correios para a unidade de Botafogo: Rua Dona Mariana, 48. CEP: 22280-020”.

TAXISTAS

A Prefeitura do Rio também autorizou os taxistas a informarem sobre o desconto de 40% nas viagens para os idosos que forem se vacinar contra a gripe. O informativo deve ficar no vidro lateral traseiro (lado direito ou esquerdo).

Para esta sexta-feira, está programada a distribuição de cestas básicas para os taxistas auxiliares.

“Eles poderão retirar a cesta básica, na modalidade drive thru, no Riocentro, aproveitando a logística do local. Os taxistas serão informados por meio do aplicativo Taxi.Rio. Os taxistas auxiliares deverão apresentar o CIAT-Rio, que é o cartão de identificação de transporte.”

Outra novidade é que, por meio de decreto, a Prefeitura vai permitir aumentar a vida útil dos veículos usados como táxi de oito para dez anos.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta