Guarulhos reduz frota de ônibus até deixar apenas linhas que vão a unidades de saúde

O atendimento entre esta sexta, 20, e domingo, 22, será feito com redução de 10% da frota. Foto: Divulgação.

Diminuição será gradativa, até 1º de abril de 2020

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo, informou por meio de nota que a partir desta sexta-feira, 20 de março de 2020, começa uma redução na frota do transporte coletivo.

A diminuição no atendimento será gradativa, até que fiquem em operação apenas linhas que passem próximo a unidades de saúde da cidade. A redução tem início nesta sexta, 20, até 1º de abril.

Desta forma, segundo a Prefeitura, o atendimento entre esta sexta, 20, e domingo, 22, será feito com redução de 10% da frota, de forma que algumas partidas não serão executadas dentro da programação habitual.

Por sua vez, de segunda, 23, a quinta, 26, a redução será de 40%, obedecendo à programação dos sábados. Nesses dias, do total de 859 ônibus ativos, 573 estarão em circulação, segundo a Prefeitura.

Por fim, de sexta, 27, até o último dia de março, a redução será de 60% e obedecerá à escala dos domingos, com 357 ônibus nas ruas.

Assim, a partir do dia 1º de abril a população deverá apenas ter acesso às linhas circulares de ônibus que têm como destino os equipamentos de saúde, que poderão ser ampliadas.

“A decisão foi tomada pelo fato de a circulação de pessoas no transporte coletivo ter tido uma redução de mais de 50% nos últimos dias e também visando à segurança dos motoristas e cobradores”, informou a Prefeitura, em nota.

HIGIENIZAÇÃO

thumbnail_limpeza

Mesmo com a redução, o cuidado com a higienização dos coletivos prossegue, conforme informado também pela administração municipal.

“Funcionários das empresas entram nos ônibus, ao final de cada viagem, para limpar vidros, balaústres, assentos e porta dos coletivos.”

DEMANDA

A Prefeitura de Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo, divulgou nesta quarta-feira, 18 de março de 2020, que o número de passageiros no transporte público de Guarulhos caiu entre 40% e 50%.

A estimativa referente a esta quarta é da Guarupass, entidade que congrega as empresas de ônibus. Na terça-feira, 17, a queda foi de 28%.

Relembre: Coronavírus: Número de passageiros em ônibus de Guarulhos cai pela metade

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Paulo Luiz disse:

    Quero saber aonde está estes cobradores que a prefeitura está falando se o nosso excelentíssimo prefeito que não anda de ônibus muito menos dirige um veículo deste porte fez o favor de extinguir pelo menos 90 por cento acumulado o serviço de dirigir e cobrar para os motoristas que não tem quase nada para fazer.

  2. Michele Brilhante disse:

    E como ficará os intermunicipais?

  3. Robinson sauloslis disse:

    Guti nas próximas eleições não ganha nem para vereador, arrependimento de todos que votaram nele

  4. Glaucya dos Santos disse:

    Trabalho em SP no Butantã e ñ fui liberada para ficar em casa com vou trabalhar sem onibus pois ñ tenho carro e ñ sou rica para pegar um táxi ou uber de casa para o trabalho e na volta anoite com pouco onibus ?

  5. Reginaldo disse:

    Só se a prefeitura começar fiscalizar a partir de já! Porque os ônibus em Guarulhos não são limpos direito, muitos nem limpos são! Quanto a proteger cobrador com a redução; ele vai extinguir de vez a funçao, né? Pois esse cara tirou a maoria dos cobradores, uns 80%! Reduzir a frota ele já reduziu e a muito tempo, só vai tirar mais um pouquinho. Enfim, só Jesus por nós!

  6. Cinthia disse:

    E quem esta trabalhando e precisa dos onibus..

  7. DAVI VILAS BOAS DE SANTANA disse:

    Nos casos onde é necessário a presença do colaborador ao trabalho a empresa deve disponibilizar um meio de transporte para esta locomoção, Van, Uber etc..

  8. Lucas Gabriel disse:

    Nem o básico que sabonete pra lavar as mãos no ponto final tem quem dirá ,higienização a termino de viagem …

  9. Raquel disse:

    O transporte já e péssimo imagine agora.

  10. Andréa disse:

    não limpeza nenhuma … pego duas linhas para chegar no aeroporto os motoristas falou que não tem ninguém limpando….

  11. Paulo Luiz disse:

    Concordo com você Davi, pois se colocar os ônibus, para transportar as pessoas dos serviços essenciais, muitas pessoas que ignora a cituação, a qual estamos passando neste momento e principalmente os idosos, irão sair de casa.

  12. Tatiane disse:

    Reduzir o que se o normal aqui em guarulhos já não tem ônibus.
    E quem precisa de ônibus pra trabalha, isso é pensa na população?

  13. Fátima Braz disse:

    Sou Enfermeira e trabalho no município de São Paulo.
    Nao tenho carro ou condições de usar taxi ou aplicativo todos os dias.
    Quais serão os horários dos ônibus!
    Preocupo-me pois entro às 7hs.

  14. Jorge luiL disse:

    O transporte coletivo em Guarulhos já e uma vergonha imagina agora com está epidemia eles estão querendo inganar a quem que estão fazendo a higienização dos ônibus

  15. Benedito Aparecida Paulino disse:

    Eu ônibus limpo com álcool

  16. Elaine dos santos disse:

    Trababalho em um laboratorio particular no centro de Guarulhos la estao indo idosos e pessoa fazer tomografia por conta do coronavirus eles nao vao fechar galaram que nao estao entre os locais que devem fechar eles estão corretos?

  17. Luiz disse:

    O transporte público em Guarulhos já é péssimo , ônibus imundos ,motoristas mal educados , nóias que entram de graça , e ainda vão reduzir , pois é , Guti NUNCA MAIS .

  18. Silvanio disse:

    Reduzir a frota de ônibus só complica, porque as pessoas vão se aglomerar nas filas dentro do coletivo colocando as pessoas em risco.

  19. Alan disse:

    Cadê a sabedoria desse prefeito de Guarulhos . N tá ajudando em nada . Sabendo ele que precisou de nois guarulhense pra ele está aí na prefeitura acorda Guti ….

  20. juliano disse:

    Os transportes aqui em Guarulhos já são péssimo agora com essa redução é melhor parar de vez ne o problema é…como fica as condições para os trabalhadores que depende dos ônibus Que precisam trabalhar?

  21. Paulo disse:

    Só ouço falar que precisamos pensar no coletivo. Agora quem esta pensando em nós trabalhadores que não fomos dispensados para ficar em casa? Por que a empresa que trabalho não deu liberação para ficar em casa… como chegaremos no trabalho e como voltaremos para casa… a partir do dia 1° de abril?

  22. Milani disse:

    E pq tem não reduzem a tarifa que é um absurdo de caro para os ônibus que parecem carroças??

  23. Adriano disse:

    Ficar sem ônibus é pior que o próprio vírus, como os funcionários de hospitais vão chegar nos seus trabalhos,como as as pessoas que trabalham em mercado, padarias, açougues, farmácias,postos de combustíveis entre outros, chegarão nos seus empregos? Nós somos seres humanos e não vivemos de brisas, ficando trancados em nosas casas ,ainda mais quando nossa situação financeira é difícil. Não temos escolha temos quê trabalhar ou morrer de fome em casa.

  24. Celia Regina Oliveira Dos Santos disse:

    Engraçado reduz os onibus em hr de pico .fala pra ngm sai de casa .e quando a gente vai trabalha o onibus super lotado e ainda falam pra preservar a saude como? Fala serio .fica 1 hr no ponto esperando o 732 as 4 da manha é um desaforo .

  25. Bruna Torres disse:

    Porque não fazem isso com os ônibus que vão de Guarulhos pra São Paulo.

  26. Priscila disse:

    A linha intermunicipal 104 vai continuar? Como serão os horários. Isso não falam.

  27. Rodolfo disse:

    Hoje fui pegar ônibus 274 NÃO esta circulando e e gui apé até o ponto do 710 la fui informado que também NÃO esta circulando caramba voltei e peguei na Emílio Ribas o 720 para o terminal pimentas e o ônibu estalotado e não tem limpeza alguma e

Deixe uma resposta