Defensoria Pública de São Paulo envia ofício a consórcio sobre suspensão da frota no ABC e prefeitos marcam nova reunião

A redução da frota será gradativa até 28 de março. Foto: Adamo Bazani.

Entidade regional informou que Diretoria Jurídica vai enviar uma resposta

JESSICA MARQUES

A Defensoria Pública de São Paulo enviou nesta sexta-feira, 20 de março de 2020, um ofício ao Consórcio Intermunicipal do ABC sobre a suspensão da frota de ônibus municipais da região.

Os prefeitos da região do ABC Paulista decidiram manter a decisão de paralisar todos os ônibus municipais das sete cidades a partir de 29 de março de 2020, mesmo com o apelo contrário do Governo do Estado. A redução da frota será gradativa até 28 de março.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/03/19/mesmo-com-apelo-do-governo-do-estado-prefeitos-do-abc-mantem-paralisacao-total-dos-onibus-municipais-a-partir-de-29-de-marco/

Em nota, o Consórcio Intermunicipal Grande ABC informou que recebeu o ofício da Defensoria Pública De São Paulo – Unidade Mauá.

“O documento será respondido pela Diretoria Jurídica da entidade regional. Os prefeitos do Grande ABC devem realizar nova reunião na próxima semana para avaliar a evolução da pandemia do novo coronavírus na região”, informou a entidade, em nota.

Ainda de acordo com a entidade, para a próxima quarta-feira, 25 de março de 2020, foi agendada nova videoconferência entre representantes do Governo do Estado e os prefeitos do Grande ABC para avaliar a evolução da pandemia do novo coronavírus na região.

TRANSPORTES NO ABC:

Juntas, as sete cidades do ABC (Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra) têm 2,8 milhões de moradores, dos quais 1,1 milhão usa os transportes públicos. São em torno de 1,3 mil ônibus municipais.

As cidades com maior frota são São Bernardo do Campo, com 424 ônibus e Santo André, com 404 ônibus.

AS EMPRESAS DE ÔNIBUS MUNICIPAIS SÃO:

Santo André: Suzantur, Viação Guaianazes, Viação Curuçá, TCPN – Transportes Coletivos Parque das Nações, ETURSA – Empresa de Transporte Urbano Rodoviário de Santo André, EUSA  – Empresa Urbana Santo André, Viação Vaz.

São Bernardo do Campo: SBC Trans

São Caetano do Sul: Vipe- Viação Padre Eustáquio

Diadema: MobiBrasil Diadema, Benfica

Mauá: Suzantur

Ribeirão Pires: RIGRAS

Rio Grande da Serra: Viação Talismã

TRANSPORTES TRONCAIS:

Corredor Metropolitano ABD (São Mateus/Jabaquara e Diadema/Brooklin): Metra

Linha 10 – Turquesa: CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

EMPRESAS DE ÔNIBUS DO SISTEMA EMTU:

Viação ABC, EAOSA, Expresso SBC, Imigrantes, Mobibrasil, Parque das Nações, Publix, Riacho Grande, Ribeirão Pires, Rigras, São Camilo, Trans-Bus, Triângulo, Tucuruvi, Urbana e Vipe.

DETALHES DA PARALISAÇÃO

As prefeituras do ABC Paulista divulgaram ao Diário do Transporte os detalhes sobre a redução gradativa de frota de ônibus até que haja a suspensão total no dia 29 de março de 2020.

Em alguns municípios, a redução já entrou em vigor nesta quarta-feira, 18 de março de 2020. Entretanto, algumas prefeituras terão esquema diferente.

Leia mais: Prefeituras do ABC Paulista divulgam detalhes sobre redução gradativa de frota de ônibus até suspensão total no dia 29

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta