Coronavírus: Empresas de ônibus do Vale do Paraíba reforçam medidas para conter propagação

Ônibus da Joseense (CS Brasil) em São José dos Campos. Foto: Ezequiel Vicente Fernandes

Em São José dos Campos, Taubaté e Jacareí, concessionárias adotam ações preventivas

ALEXANDRE PELEGI

As empresas de ônibus concessionárias do transporte coletivo de cidades do Vale do Paraíba, em São Paulo, divulgaram comunicado divulgando as ações que estão aplicado para conter o novo Coronavírus, causador da COVID-19.

Em São José dos Campos, as três empresas que atuam na cidade – Joseense (CS Brasil), Maringá e Saens Peña – adotaram medidas para combater a disseminação do COVID-19.

A Maringá e Joseense passaram a higienizar os ônibus nos pontos finais e no Terminal Central a cada viagem com uma solução bactericida.

Já a Saens Peña passou a realizar um trabalho de conscientização na garagem, onde distribui kits com álcool em gel para uso pessoal e com álcool líquido para higienização dos balaustres, caixa, roletas e botões de parada.

Na vizinha cidade de Taubaté, a concessionária ABC Transportes aderiu à higienização com agentes de limpeza a cada parada. Além disso, a empresa oferece luvas para os cobradores e fixa cartazes conscientizando os usuários sobre a forma correta de espirrar e tossir, bem como orientações sobre higiene.

Em Jacareí, a empresa Jacareí Transporte Urbano – JTU adotou um novo protocolo rígido de higienização diária dos ônibus, com bactericidas aplicados por meio de pulverizador de pressão. Com isso, é possível garantir que todas as partes do ônibus recebam o produto, em especial nos pontos de contato com as mãos dos usuários e tripulação, como balaústres, bancos, validadores e cabine do motorista.

A JTU reforça também que os passageiros devem manter os vidros dos ônibus abertos e evitar contatos físicos, como aperto de mão e abraços.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta