Prefeitura de Belém anuncia empresa vencedora de concorrência para manutenção e instalação de abrigos de ônibus

Publicado em: 9 de março de 2020

Foto: prefeitura de Belém (PA)

Empresa Polienge Engenharia Ltda venceu certame com menor preço global no valor de R$ 3,1 milhões

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Belém, capital do estado do Pará, divulgou no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 09 de março de 2020, o resultado da Concorrência Pública para serviço de engenharia de adaptação, conserto, conservação, demolição, instalação e reparos em abrigos de ônibus nos bairros da cidade.

Pelo Regime de Execução do Contrato de Empreitada por Preço Unitário, a licitante vencedora do certame foi a Polienge Engenharia Ltda, que ofertou o menor preço global no valor de R$ 3.109.903,19.

De acordo com o Edital, o valor proposto não poderia ser superior a R$ $ 4.394.993,79.

Os serviços são constituídos de confecção, instalação de novos abrigos de ônibus simples e execução de pavimentação, caso haja necessidade. Além de reparo da estrutura, pintura, cobertura e pavimentação dos abrigos existentes.

Os serviços abrangem toda Belém e os distritos de Mosqueiro, Icoaraci e Outeiro.

Ainda de acordo com a administração municipal, “hoje, vários pontos de ônibus com responsabilidade administrativa da Prefeitura de Belém, apresentam problemas na pavimentação, estrutura, cobertura, pintura etc., interferindo diretamente no direito de ir e vir, no bem estar e na segurança da comunidade que utiliza este equipamento, como proteção contra os raios ultravioleta e chuvas que são frequentes e intensos em nossa capital, necessitando, portanto de uma intervenção imediata por parte do ente municipal para realização de serviços mais abrangente, então a solução adotada envolve a criação de um projeto com diversos serviços de engenharia com a finalidade de minimizar os problemas acima apresentados, além da instalação de novos abrigos de ônibus”.

belem_conc


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta