Caxias do Sul eleva tarifa do transporte a partir desta sexta-feira, 28

Ônibus da Visate - Viação Santa Tereza. Foto: Joseí Gilberto Kniphoff

Valor para o transporte urbano sobe para R$ 4,65. Passe para os trajetos intramunicipais fica em R$ 9,47 e para o interterminais, R$ 2,79

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Caxias do Sul, cidade gaúcha com população de mais de 500 mil habitantes, reajustou a tarifa do transporte público nesta quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020, conforme decreto municipal publicado em edição extra do Diário Oficial do Município.

Segundo comunicado da prefeitura, o Prefeito Flávio Cassina acatou os valores dos reajustes sugeridos pelo Conselho Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT) para os transportes intramunicipal, urbano e interterminais de passageiros.

O valor para o transporte urbano municipal será de R$ 4,65. Já o valor do passe para os trajetos intramunicipais ficou em R$ 9,47. E para o interterminais, R$ 2,79.

O Conselho decidiu pelo reajuste na última sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020.

As planilhas de cálculos referentes ao reajuste tarifário dos transportes coletivo urbano e intramunicipal em Caxias do Sul apontaram queda no último ano de 4,74% no número de passageiros. Além disso, mais de 30% dos usuários da Visate – Viação Santa Tereza, atual concessionária do transporte local, apresentaram gratuidades. Somando o preço médio do combustível, valores de compras de novos chassis e outros insumos, foi apresentada sugestão de tarifa ao valor de R$ 4,6567.

A Visate defendia que o valor da tarifa municipal subisse para R$ 4,91. Diante do valor apresentado pelo CMTT, o conselheiro representante da Visate, Gustavo Marques, afirmou que o valor de R$ 4,6567 não inclui previsão orçamentária para renovação da frota. Na reunião, Marques lembrou que a frota atual tem média de sete anos e apresenta nível de manutenção elevado nos veículos.

A tarifa havia sido reajustada em março de 2019, quando passou a R$ 4,25 para o transporte urbano. Com isso, o reajuste este ano alcançou 9,4%.

NOTA DA VISATE

A concessionária do transporte municipal divulgou nota no dia da reunião do CMTT defendendo o reajuste da tarifa para R$ 4,91 (15,5% de aumento).

Leia na íntegra:

Conforme Lei nº 7.082, de 17 de dezembro de 2009, protocolamos em 26 de novembro de 2019, sob o número 2009/49835, o pedido de reajuste tarifário do serviço de transporte coletivo. O estudo realizado indica um reajuste de R$ 0,66 centavos em 2020, passando de R$ 4,25 para R$ 4,91. Os fatores que contribuíram para o aumento são a queda de passageiros, que nos últimos 12 meses alcançou o índice de 4,68% (1.396.079 usuários a menos); o reajuste dos salários dos rodoviários aprovado em 4,48%; o aumento no óleo diesel de 12,60% e a necessidade de renovação de 21 ônibus da frota para manter a idade média em seis anos, o que reflete diretamente na qualidade do serviço. Outro fator que impacta são as gratuidades: atualmente, o item contempla 1.230.781 passageiros, ou seja: 33,39% dos usuários do sistema. Salientamos que o valor de R$ 4,65, sugerido pelos técnicos da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM), não engloba a renovação de 21 ônibus da frota. Por essa razão, a sugestão da tarifa de R$ 4,91 passou para R$ 4,65. Os clientes do transporte público merecem uma tarifa acessível e o custo não deve ser repassado integralmente para os usuários do sistema. Como um direito social, previsto na Constituição, o transporte deve ser suportado, em partes, por outras fontes de custeio.

DECRETO MUNICIPAL NA ÍNTEGRA:

tarifas caxias do sul_01tarifas caxias do sul_02tarifas caxias do sul_03tarifas caxias do sul_04tarifas caxias do sul_05tarifas caxias do sul_06

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta