Pontos de alagamento afetam operação de ônibus e trólebus no ABC Paulista

Publicado em: 18 de fevereiro de 2020

Foto tirada de dentro de um ônibus da Suzantur, na região central de Mauá.

Vias estão interditadas devido à enchente e queda de árvores

JESSICA MARQUES

Diversos pontos de alagamento estão afetando a operação de ônibus em Mauá e Santo André, no ABC Paulista, no início da noite desta terça-feira, 18 de fevereiro de 2020.

Os trólebus que saem do Terminal Santo André Oeste sentido São Mateus, na Zona Leste da capital paulista, também não estão operando. As linhas afetadas são 285 (São Mateus – Ferrazópolis) e 284M (São Mateus – Shopping Metrópole).

Além disso, em Santo André, foram registrados pontos de alagamento na avenida Capitão Mário Toledo de Camargo. Desta forma, os ônibus que ligam o centro da cidade à região da Vila Luzita estão com a operação comprometida, pois o tráfego está paralisado no sentido bairro.

Também há enchente na avenida dos Estados, entre a avenida André Ramalho e avenida Sorocaba. Neste trecho, veículos não circulam nos dois sentidos.

Por esse motivo, a volta para casa dos passageiros que utilizam ônibus municipais que ligam o centro ao segundo subdistrito está comprometida. Os coletivos não estão circulando em trechos próximos ao Rio Tamanduateí.

O acesso do Viaduto Adib Chammas para a Avenida dos Estados no sentido Mauá foi interditado também devido a pontos de alagamento.

Os veículos que desviam pela Rua dos Alpes, para acessar a Avenida Itamarati, enfrentam congestionamento intenso.

Segundo informações da Prefeitura de Santo André, as avenidas Santos Dumont e Firestone também estão com o fluxo de veículos comprometido devido a enchentes.

Além dos pontos de alagamento, foram registradas quedas de seis árvores por conta das chuvas na Rua Arapuru, Rua Leopoldo Fróes e Travessa Aimbere.

“As equipes da Prefeitura e também da Defesa Civil estão nas ruas para amenizar os efeitos da tempestade desta tarde”, informou a Prefeitura de Santo André, em nota.

MAUÁ

Em Mauá, pelo menos dez linhas de ônibus foram afetadas diretamente, segundo informações da Suzantur ao Diário do Transporte.

Na região central, os pontos de alagamento onde há interdição total da via foram registrados nas avenidas Capitão João, Papa João XXIII e Alberto Soares Sampaio, próximo à Estação Capuava da CPTM, o que afeta também a operação dos trens.

Leia também: Linha 10 Turquesa tem trecho interrompido por causa de alagamento

Apesar de dez linhas de ônibus da Suzantur terem sido afetadas diretamente, outros itinerários operam com atraso devido ao tráfego intenso de veículos na região central.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Á vc que utiliza os trens da CPTM – linha 10, para trabalhar, e tem celular, cobre do prefeito de Santo André, a solução, pressione-o a chamar o DAEE para resolver limpar o leito do rio…estou aqui gritando à todos, para me ajudar nisso, envolve à todos, sem exceção,,,,(meu Face Orlandus Ferreira)

  2. Deilda FIDELES da costa disse:

    Não tem vídeo?

Deixe uma resposta