Veja os valores mais baixos dos pedágios da Rodovia Presidente Dutra a partir de sábado, 8 de fevereiro

Valores variam de acordo com porte dos veículos. Foto: Reprodução/TV Vanguarda

CCR contesta decisão e quer reverter redução até sábado

ADAMO BAZANI

A ANTT –Agência Nacional de Transportes Terrestres informou que a partir deste sábado, 8 de fevereiro de 2020, os valores dos pedágios da Rodovia Presidente Dutra vão ser reduzidos.

Como mostrou o Diário do Transporte, a redução, em média será de 5,26%, mas a CCR, proprietária da concessionária Nova Dutra, que opera a rodovia, disse que vai recorrer.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/02/04/antt-determina-novamente-reducao-de-valor-de-pedagios-na-dutra-diz-ccr/

A tarifa básica de pedágio reajustada, após arredondamento, passa:

– de R$ 15,20 para R$ 14,40, nas praças de Moreira César, Itatiaia, Viúva Graça e cabines de bloqueio de Viúva Graça (Viuvinha);

de R$ 3,70 para R$ 3,50, na praça de Arujá e cabines avançadas de Arujá (Rodoanel), Guararema Norte e Guararema Sul;

de R$ 6,70 para R$ 6,30, na praça de pedágio de Jacareí e cabines avançadas de Jacareí.

Em nota, a ANTT diz que uma série de fatores motivou a redução dos valores, entre os quais correção do Índice de Reajuste Tarifário (IRT) provisório, arredondamento e atraso no reajuste, substituição do tráfego projetado pelo real, ajuste do percentual de eixos suspensos, alterações no Programa de Exploração da Rodovia (PER), reversão à modicidade tarifária devido a não utilização das verbas destinadas aos Recursos para o Desenvolvimento Tecnológico (RDT), à Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Receitas Extraordinárias.

Também foram levadas em conta –a redução do valor da Manutenção do Pavimento – reequilíbrio feito em função da Lei nº 13.103/2015 (Lei dos Caminhoneiros); e a redução do valor de elaboração de projeto executivo relativo à obra de Implantação de Acesso Manuel Alonso km 215 + 400.

Veja abaixo os novos valores, que variam de acordo com o porte dos veículos e a quantidade de eixos:, levanto em conta, por exemplo, motos, carros, ônibus comuns, ônibus com três eixos ou mais, caminhões e carretas

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta