Bolsonaro troca Canuto por Marinho no Ministério do Desenvolvimento Regional

Economista Rogério Marinho. Foto: Agência EBC

Rogério Marinho atuava como secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia

ALEXANDRE PELEGI

O presidente Jair Bolsonaro, em edição extra do Diário Oficial da União nesta quinta-feira, 06 de fevereiro de 2020, exonerou, a pedido, Gustavo Canuto do cargo de Ministro de Estado do Desenvolvimento Regional.

Em seu lugar, nomeou Rogério Marinho, que ocupava até então o cargo de secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

No final da tarde, o porta voz do Governo informou que Canuto presidirá a Dataprev, estatal que atende no processamento de dados das aposentadorias. Sua missão será reduzir as filas de pedidos no Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), situação que vem causando forte desgaste ao governo.

Rogério Marinho, por sua vez, tem bom trânsito no Congresso, onde ajudou a aprovar a reforma da Previdência.

O Ministério do Desenvolvimento Regional foi constituído no Governo Bolsonaro pela união do Ministério da Integração Nacional com o Ministério das Cidades.

Tem sob sua coordenação empresas da área de transportes como Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU); Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre (Trensurb); e Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN).

decreto_canuto


 

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta