Caldas Novas (GO) lança licitação do transporte coletivo

Publicado em: 23 de janeiro de 2020

Micro-ônibus da empresa BT-21 que operou o transporte na cidade a partir de julho de 2015

Concessão terá prazo de 10 anos. Concorrência está marcada para 21 de fevereiro de 2020

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Caldas Novas, cidade turística de Goiás com cerca de 90 mil habitantes, lançou nesta semana edital para concessão do transporte coletivo urbano.

A Concorrência Pública, do tipo “Menor Valor de Tarifa”, será realizada no dia 21 de Fevereiro de 2020, às 09:00 horas, na sede da Prefeitura.

A presente licitação, segundo o Edital, tem por finalidade dar seguimento ao processo de implantação do Serviço de Transporte Público Alternativo Municipal de Passageiros, que consiste em uma rede de linhas de transporte que atenda aos anseios de deslocamento dos usuários potenciais em conformidade com os princípios da licitação.

O prazo de vigência do contrato de concessão será de 10 anos, podendo haver até duas prorrogações de 05 anos.

Não serão admitidos em operação veículos com mais de 7 anos de fabricação, devendo, caso atingir essa idade, serem trocados por veículos com, no máximo, 5 anos de vida útil.

Todos os veículos utilizados pela concessionária deverão possuir ar condicionado, além de todos os mecanismos que garantam a acessibilidade aos portadores de deficiência.

Atualmente, para as 9 linhas existentes em Caldas Novas, são necessários no mínimo 18 micro-ônibus com capacidade mínima de 25 passageiros, sendo 2 veículos para cada linha (ida e volta) e 2 veículos reservas destinados à substituição ou reforço à demanda.

Para ler o Edital na íntegra: Caldas Novas – Edital CP002

caldas

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta