Prefeitura de Porto Alegre mantém consulta pública para concessão de abrigos de ônibus até 31 de janeiro

Publicado em: 14 de janeiro de 2020

Vencedor da concorrência terá como contrapartida a exploração publicitária dos equipamentos

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, manterá a consulta pública para fornecimento, instalação e manutenção dos abrigos de ônibus da capital até 31 de janeiro de 2020.

Como mostrou o Diário do Transporte, a consulta foi lançada em 26 de dezembro de 2019, visando o fornecimento, instalação e manutenção dos abrigos de ônibus da capital.

A concessão do mobiliário terá como contrapartida a exploração publicitária dos equipamentos, assim como já ocorre com as placas de rua e os relógios de rua.

Segundo informa da prefeitura da capital gaúcha, dentre os objetivos do certame estão “embelezar a cidade, entregar um serviço de mais qualidade e proporcionar mais segurança”.

A empresa ou consórcio que vencer a concorrência deverá instalar e manter os abrigos.

O critério de julgamento será a oferta de no mínimo 921 e no máximo 4.822 estruturas. A contrapartida da prefeitura para o parceiro privado será a permissão de exploração publicitária dos espaços.

Ainda segundo o comunicado da Administração Municipal, os equipamentos terão de três a quatro faces para publicidade e totens separados dos abrigos. “Também estão previstos paineis em LED informando próxima chegada, iluminação dos locais, posição para cadeirantes nos assentos, tomadas USB, telhados sustentáveis em no mínimo 5% dos abrigos e prateleiras de livros para o programa da Secretaria Municipal da Cultura de troca e doação de obras”.

O prazo máximo para a instalação de todos os abrigos será de seis anos, e o modelo conceitual está sendo elaborado pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC).

Para contribuir com o aprimoramento do projeto durante a consulta pública, enviando sugestões e opiniões, basta acessar o site da Secretaria Municipal de Parcerias Estratégicas, preencher o formulário disponível e enviá-lo para o e-mail concessaoabrigos@portoalegre.rs.gov.br.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta