EM PRIMEIRA MÃO: Tarifas de ônibus da EMTU sobem no domingo, 19 de janeiro de 2020

Publicado em: 14 de janeiro de 2020

Tipo de ônibus também influencia no preço

Valores e percentuais variam de acordo com as linhas

ADAMO BAZANI

As tarifas de ônibus gerenciados pela EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos serão reajustadas no próximo domingo, 19 de janeiro de 2020.

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, enviou nesta segunda-feira, 13 de janeiro, o comunicado de reajuste ao presidente da Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, deputado Cauê Macris.

No comunicado, para servir de referência de custos, a gestão João Doria trouxe planilhas resumidas de algumas das áreas operacionais gerenciadas estatal, como da Área 5 (ABC Paulista) e das Regiões Metropolitanas do Vale do Paraíba e Litoral Norte – RMVPLN e Sorocaba – RMS.

Os valores e percentuais variam de acordo com cada linha, dependendo da extensão, tipo de serviço (seletivo ou comum) ou região atendida e devem ser informados ainda nesta semana.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Comentários

  1. Roberson disse:

    Feliz Ano Novo, grande gestor marqueteiro

  2. Marcos Borges disse:

    Coitado do povo da região metropolitana da cidade.Pagam um transporte caríssimo e a qualidade…que QUALIDADE?PARABÉNS DORIA!BAITA GOVERNADOR!

  3. Marcos disse:

    Qualidade péssima..paga-se tarifas acima de 6 pila para andar 20 km…..altos intervalos…linhas que nao atendem o destinl dos passageiros, etc

  4. Douglas Isoppi disse:

    Como acostumamos com a incompetência e no Brasil é precificada e ajustada anualmente.
    A EMTU é horrível com tendência a ladeira abaixo e toda ineficiência, falta de clareza, qualidade e respeito com usuário é repassada integralmente.
    O pior é ler as vezes que o culpado é as pessoas que votam em X ou Y.
    É lamentável de ver que somos governados por despreparados, gananciosos com uma pré potencia.
    Mais louco ainda é o desamparo da população e uma justiça omissa e um ministério público que não vale nada.
    Esse país simplesmente já era. A afronta a população e desrespeito reina sem possibilidade de defesa e presunção de inocência.
    O pior é ver essas propagandas do governo do estado em eficiência em gestão! Bom só se for no recolhimento de tributos e impostos.
    Mas no nosso país sempre precisamos chegar no fundo do posso mesmo. Se é que a EMTU pode cavar mais a situação do transporte na Grande são Paulo.

  5. amaral lopes disse:

    Qualquer um que fosse eleito iria dar aumentos querendo ou não, até o candidato que você apoiou não querendo que o atual fosse eleito.
    Se seu candidato aumentasse as passagens, você iria protestar?
    Ou protesta quando lhe convém, quando o gestor não é de seu agrado?
    Dependendo de certos candidatos a passagem ficava congelada e o sistema que já é ruim ficaria pior e mais sucateado.Isso se ele não inventasse de permitir lotações concorrendo com ônibus da EMTU, fez igual em sua cidade de origem e nenhuma empresa quis assumir o transporte por 17 anos, teria prejuízo na certa!!! Esse tipo de gente queria nos governar!!
    Estamos perdidos de qualquer maneira.

  6. vagligeiro disse:

    Alexandre esbalda os aumentos…

  7. Rafael Luiz disse:

    Sem contar que em quase todas as linhas não há sequer transferência gratuita, nem mesmo com uso de um bendito cartão de bilhetagem eletrônica, que só é BOM mesmo pra frotistas e políticos… Tudo isso numa das maiores metrópoles do hemisfério sul, onde o cidadão que não mora na capital é tratado como forasteiro.
    Um horror!

  8. Hugo da Silva Nogueira disse:

    Para o pessoal da de Ferraz de Vasconcelos vai almentar o preço ou não

Deixe uma resposta