Tráfego de ônibus na Ponte Hercílio Luz é liberado a partir de 27 de janeiro, em Florianópolis

Obra deve ser finalizada em março de 2020. Foto: Júlio Cavalheiro/Secom.

Governo do Estado está finalizando remoção de estrutura provisória

JESSICA MARQUES

O tráfego de ônibus na Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, será liberado a partir de 27 de janeiro de 2020. O Governo do Estado está finalizando a remoção de uma estrutura provisória, o que impossibilita a circulação destes veículos no local.

Inicialmente, a liberação ocorreria em 13 de janeiro, contudo, a Prefeitura e o Governo do Estado decidiram, em reunião, adiar em duas semanas a medida. A decisão foi divulgada nesta segunda-feira, 06 de janeiro de 2020.

Segundo informações do Governo do Estado, a obra ainda está em andamento e para que seja finalizada em março de 2020. Deste a manha desta segunda, portanto, a estrutura voltou a ser parcialmente interrompida para continuidade dos trabalhos, conforme cronograma estabelecido pela empresa responsável pela obra.

Entretanto, isso não interfere na visitação do público, que poderá acessar a Ponte pelas passarelas e pistas da cabeceira insular até a primeira torre, das 7h às 22h, também segundo o Governo.

“Nas próximas três semanas, por questões de segurança, considerando que a estrutura provisória de sustentação da parte inferior será removida, a visitação ocorrerá somente pela cabeceira insular. Das 22h às 7h, a Ponte será totalmente fechada para continuidade dos trabalhos. Ao finalizar a remoção da estrutura provisória, gradativamente o acesso às passarelas para travessia completa da Ponte será liberado.”

A decisão segue cronograma original para retirada das treliças inferiores, estruturas provisórias inferiores, reparos em pintura e outras ações de finalização.

No fim do ano, o Governo abriu a Ponte Hercílio Luz para uma agenda de ações culturais, esportivas e gastronômicas. O dia mais movimentado da programação foi o sábado, 4, quando quase 400 mil pessoas visitaram a Hercílio Luz.

O domingo de encerramento fechou com mais de 300 mil visitantes. Uma equipe de 170 pessoas trabalhou na realização do evento, entre organizadores e trabalhadores de apoio. Nos sete dias, foram realizadas 65 apresentações culturais.

De acordo com estimativas do Governo do Estado, desde a reabertura até a noite de sexta-feira, 03 de janeiro, já passaram mais de 480 mil visitantes pela ponte.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta