Comec anuncia alterações em linhas que atendem Colombo (PR)

Publicado em: 15 de dezembro de 2019

O objetivo, de acordo com a coordenação, é de ampliar e melhorar o transporte coletivo no município de Colombo e sua ligação com Curitiba. Foto: Divulgação.

Mudanças entram em vigor na segunda-feira

JESSICA MARQUES

A Comec (Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba) informou que está preparando para a próxima segunda-feira, 16 de dezembro de 2019, uma série de alterações em linhas do sistema metropolitano que atendem o município de Colombo, no Paraná.

Segundo o presidente da Comec, Gilson Santos, as propostas vêm sendo debatidas com vereadores e trarão melhorias significativas para os moradores locais. O objetivo, de acordo com a coordenação, é de ampliar e melhorar o transporte coletivo no município de Colombo e sua ligação com Curitiba.

Confira as alterações divulgadas pela Comec:

A primeira mudança será na linha B06-Ctba/Guaraituba (via Maracanã), que atualmente segue para o terminal Guadalupe através do bairro Bacacheri (Av. Erasto Gaertner), de Curitiba. A partir da próxima segunda-feira, ela passará a se chamar B03-Guaraituba/Guadalupe (via Maracanã-Alto da XV), e fará a ligação com o terminal do Guadalupe pela Linha Verde, adentrando pela Av. Victor Ferreira do Amaral, Rua XV de Novembro e Rua Tibagi.

A alteração, segundo estudos feitos pelo Departamento de Transporte da Comec, resultará em significativo ganho de tempo, visto que a Rua XV de Novembro possui em grande parte do seu trajeto um canaleta exclusiva para ônibus, que passará a ser utilizada por esta nova linha.

Um ponto importante é que os usuários da linha que hoje vão até a região do Bacacheri, não ficarão desassistidos. Isso por que a linha B61-Ctba/Capela do Atuba que atualmente possui como ponto final a Capela do Atuba, agora passa a ir até o Terminal do Maracanã, uma conexão que não existia anteriormente, permitindo novos deslocamentos também para o Jardim Central, Vila Guarani e Jardim Eucaliptos.

Como a mudança ampliará significativamente a demanda desta linha, ela também terá um reforço no atendimento, passando dos atuais 13 horários de partida, para 31 em dias úteis, e mudará sua nomenclatura, passando a se chamar B01-Maracanã/Guadalupe (via Bacacheri).

Confira o mapa com o trajeto das novas linhas

Confira o mapa com o trajeto da B01 na ligação com o Terminal Maracanã

Confira os horários da B03

A linha paradora de ligação dos terminais Guaraituba e Maracanã com o terminal Cabral, a B20-Guaraituba/Cabral (via MARACANÃ) será reforçada, passando de 72 para 85 viagens por dia útil. Essa é a principal linha para a cobertura do eixo Munhoz da Rocha, Erasto Gaertner e Monteiro Tourinho.

Confira a nova tabela de horários

NOVAS ALIMENTADORAS – Com a racionalização dos recursos, possibilitada pelas alterações acima, novas linhas alimentadoras serão implementadas: A B45-Belo Rincão/Maracanã que, em horários específicos também realizará atendimento ao Jardim Palmares, localizado junto à BR 116.

Confira o mapa com o trajeto das novas linhas

O reforço nos horários de pico com a operação da linha B34-Reforço Guaraituba, na ligação entre os terminais Guaraituba e Maracanã.

Confira os horários do reforço na linhas B34

E a linha B24-Colônia Faria que parte do terminal Guaraituba, deixará de seguir para o Jardim Palmares, já que este será atendido pela linha B45-Belo Rincão/Maracanã. Com a mudança, passará a atender os moradores no entorno da Rua Nossa Senhora de Fátima, que atualmente precisam caminhar próximo de um quilômetro para acesso ao serviço de transporte coletivo.

Confira o mapa com o trajeto do novo atendimento

As linhas de ligeirinho B05-Guaraituba/Cabral e 607-Colombo/Cic, além das outras linhas de ligação com Curitiba: B11-Maracanã/Sta.Cândida, B25-Maracanã/Bairro Alto, B39-Campo Alto, B41-Maracanã/Capão Da Imbuia, B42-Maracanã/Linha Verde e B43-Rio Verde não sofrerão alterações.

PLATAFORMAS – Nos terminais Guadalupe e Guaraituba haverá remanejamento das plataformas de parada, situação que demandará atenção dos usuários que se dirigem a Colombo, mas também de usuários da linha E68-Ctba/Quississana que segue para São José dos Pinhais, partindo do terminal Guadalupe.

ACOMPANHAMENTO – Segundo o presidente da Comec Gilson Santos, por se tratar de mudanças importantes no sistema, a Comec estará atenta nos próximos meses e preparada para eventuais ajustes. Uma nova conversa com os vereadores de Colombo já está pré-agendada para daqui 30 dias, onde todas as mudanças serão novamente avaliadas.

“É importante destacar que nem sempre conseguiremos aceitação de 100% da população. Mas como os próprios vereadores puderam perceber, estamos realizando mudanças que atenderão o maior número de usuários e trarão melhorias significativas para o sistema”, destacou Santos.  

LINHA VERDE – Embora o eixo norte da Linha Verde esteja passando por obras, ainda assim este itinerário possibilita ganho de tempo, quando comparado à rota através do Atuba, Bacacheri, Cabral, Juvevê e Centro Cívico. A referência está na atual operação da linha B42-MARACANÃ/LINHA VERDE que parte do terminal em Colombo, seguindo pela Estrada da Ribeira e Linha Verde até a Estação-tubo Fanny.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta