São Lourenço (MG) relança licitação do transporte coletivo

Publicado em: 11 de dezembro de 2019

O contrato com a CSL – Circular São Lourenço, com prazo de 15 anos, encerrou formalmente no dia 31 de agosto deste ano. Foto: Rafael Nunes Pereira

Concorrência está marcada para 14 de janeiro de 2020

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de São Lourenço, cidade de Minas Gerais com 45 mil habitantes, relançou a licitação para o transporte coletivo.

A concorrência anterior, lançada em 1º de novembro com data para 5 de dezembro, não teve sucesso. Relembre: São Lourenço (MG) publica aviso de licitação dos transportes

A nova publicação, em Diário Oficial da União desta quarta-feira,  11 de dezembro de 2019, marca para 14 de janeiro de 2020 a data do certame, que será regido pelo critério menor valor da tarifa, desde que respeitada a Tarifa Máxima de R$ 3,55.

O prazo da Concessão será de 15 anos, prorrogável por igual período.

O edital e informações complementares podem ser obtidos na sede da Prefeitura Municipal, na Gerência de Licitações pelo telefone (35) 33392781, ou no site http://www.saolourenco.mg.gov.br.

saolourenco_repu.png

O contrato com a empresa de ônibus CSL – Circular São Lourenço, com prazo de 15 anos, encerrou formalmente no dia 31 de agosto deste ano, e não foi renovado pela prefeitura.

No dia 22 de novembro de 2019, a prefeitura assinou contrato emergencial com a Marques Transportes, que assumiu os serviços por tempo determinado até a conclusão do processo licitatório. Relembre: São Lourenço (MG) faz contrato emergencial para o transporte coletivo

FIM DE CONTRATO COM A CSL

O contrato com a empresa de ônibus CSL – Circular São Lourenço, com prazo de 15 anos, encerrou formalmente no dia 31 de agosto deste ano, e não foi renovado pela prefeitura. O Poder Executivo renovou o vínculo com a empresa por mais três meses para testar o novo sistema de transporte, resultado de um estudo realizado por uma empresa contratada pela Prefeitura de São Lourenço. Esse vínculo expira no dia 29 de novembro.

Com o término definitivo do contrato com a CSL, e sem o interesse da empresa em persistir na operação, a prefeitura precisou contratar nova empresa enquanto não finaliza a licitação.

Segundo a nota da prefeitura “a população não ficará sem o transporte coletivo municipal. Não haverá aumento de tarifa, bem como não haverá nenhum custo a ser subsidiado pela prefeitura. Os trajetos e horários, a princípio, permanecem da forma que estão”.

NOVO SISTEMA

Uma empresa de engenharia foi contratada para fazer a modelagem do novo sistema, e realizou estudos que serviram de base para a nova concessão. Os resultados do trabalho foram apresentados em audiência pública no dia 13 de junho.

Como um dos resultados do estudo, a prefeitura decidiu reajustar o valor da tarifa no dia 31 de agosto, último dia do contrato com a empresa CSL, para R$ 3,55.

Segundo nota do Poder Executivo, “caso o sistema de transporte continuasse nos mesmos moldes que estão atuando hoje, a passagem teria que ser reajustada para o valor de R$4,20. Contudo, com a implantação do programa ‘São Lourenço Integrada’, onde os ônibus irão percorrer Bairro X Centro e não mais Bairro X Bairro, com a utilização do cartão magnético, foi possível chegar a um aumento de R$ 0,15 centavos”.

Ainda segundo a nota, a utilização do cartão magnético é fundamental para que os usuários desfrutem do novo sistema que prevê agora a integração temporal. “Esta integração permite que o usuário utilize uma segunda linha pagando apenas uma única tarifa, ou seja, a transferência de passageiros entre linhas/ônibus é gratuita. O usuário terá o prazo de 1 (uma) hora para embarcar no ônibus do seu destino final, pagando apenas uma única passagem”.

Em nota publicada no dia 02 de outubro em seu site, a empresa Circular São Lourenço comunicou que prestará serviços na cidade até 29 de novembro:

NOTA DE ESCLARECIMENTO:

A empresa de ônibus “Circular São Lourenço” vem a público informar que no próximo dia 29 de novembro, ao término do turno da noite, estará deixando o serviço de transporte de passageiros na cidade de São Lourenço em virtude do encerramento da vigência do contrato.

Agradecemos a população de São Lourenço por sempre confiar em nosso trabalho assim como os nossos colaboradores e fornecedores.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta