Blumenau deve reajustar tarifa de R$ 4,20 para R$ 4,30 em dezembro. Prefeitura não confirma

Publicado em: 23 de novembro de 2019

Rodoviários sinalizam novos protestos em campanha salarial, que segue indefinida

ALEXANDRE PELEGI

Nesta quinta-feira, 21 de novembro de 2019, a Agência Intermunicipal de Regulação do Médio Vale do Itajaí (Agir) publicou decisão referente ao reajuste tarifário do transporte urbano de Blumeau, Santa Catarina. Conforme o documento, a partir do dia 1º de dezembro o valor da tarifa de ônibus será de R$ 4,30.

A prefeitura de Blumenau, no entanto, não confirma o aumento da tarifa do transporte coletivo.

Em nota divulgada logo na sequência da decisão da AGIR, a prefeitura lembra que “o modelo de concessão atual diz que é de responsabilidade da agência reguladora a decisão sobre o reajuste tarifário do transporte coletivo”. Porém, ao mesmo tempo em que a decisão era publicada, a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Seterb) encaminhou um ofício à Agência solicitando esclarecimentos sobre o estudo técnico realizado para a definição da nova tarifa, além de pedir detalhes sobre os impactos no custo operacional de algumas medidas tomadas pela administração pública, como a otimização de linhas e horários.

Veja o comunicado da prefeitura:

blu_nota_prefa.png

Enquanto isso, os rodoviários de Blumenau seguem em campanha salarial, com negociações ainda complicadas com a concessionária BluMob, do Grupo Comporte, do qual faz parte a Viação Piracicabana.

Na próxima segunda-feira, 25 de novembro, às 15h, a Justiça do Trabalho convocou uma audiência que visa mediar um acordo entre o sindicato da categoria (Sindetranscol) e a entidade patronal, Setpec – Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros em Santa Catarina.

Nesta sexta-feira, em duas assembleias realizadas pelos trabalhadores, ficou definida a continuidade da campanha salarial, com a possibilidade de protestos nos próximos dias, como ocorreu em 31 de outubro. Relembre: Rodoviários de Blumenau fazem assembleia nesta segunda-feira e podem entrar em grave

REAJUSTE TARIFÁRIO

A decisão da Agência Intermunicipal de Regulação do Médio Vale do Itajaí (AGIR) apontou aumento de R$ 0,06 na atual tarifa de Blumenau, hoje em R$ 4,20.

A AGIR, no entanto, alega que no último reajuste, concedido em 2018, a tarifa foi arredondada para baixo: ao invés de R$ 4,22, ficou em R$ 4,20. Os dois centavos a menos foram repassados para o reajuste da tarifa em 2019, o que elevaria o valor final para R$ 4,28.

Cumprindo a legislação municipal, que determina o arredondamento do preço final, de R$ 4,28 a tarifa deverá passar para R$ 4,30.

Apesar de levar em conta os critérios definidos na concessão, que determinam o equilíbrio econômico financeiro do contrato assinado com a Blumob, a decisão final cabe ao prefeito da cidade.

A Prefeitura de Blumenau, conforme nota citada, pediu esclarecimentos à Agência antes de decretar oficialmente o novo valor.

Relembre o reajuste concedido em 2018: Passagem de ônibus de Blumenau (SC) tem reajuste a partir de 1º de dezembro

A Blumob começou a operar na cidade no dia 1º de julho de 2017. A tarifa subiu no início da operação para R$ 3,90.

CAMPANHA SINDICAL

Dentre os pontos defendidos pela entidade sindical que representa os trabalhadores, constam o reajuste de 5% no salário dos trabalhadores e aumento de 10% no tíquete alimentação.

Além disso, a categoria discute também outros pontos, como a mudança da data-base da categoria, atualmente em 1º de novembro, a mudança do nome de “cobradores de ônibus” para “agentes de bordo” e melhorias nas condições de trabalho, propondo a pavimentação do pátio de ônibus do terminal Aterro.

A Blumob divulgou nota afirmando confiar na competência da Justiça para mediar que “cada uma das partes possa expor suas razões para um acordo, sem necessidade de transtornos aos usuários, funcionários e à cidade“.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta