Paralisação de ônibus da Suzantur em Mauá atinge linhas municipais. Prefeitura diz que vai responsabilizar empresa

Publicado em: 22 de novembro de 2019

Ônibus municipal de Mauá. Foto: Arquivo

Funcionários reclamam de não pagamento de benefícios

ADAMO BAZANI

Funcionários da empresa Suzantur, de Mauá, no ABC Paulista, iniciaram por volta das 10h00 desta sexta-feira, uma paralisação dos serviços municipais.

Os seviços só começaram a voltar ao normal a partir das 13h30

A paralisação afetou o terminal central, onde nas imediações os coletivos ficaram estacionados, e há poucos ônibus em circulação.

Segundo as primeiras informações, houve problemas em pagamentos de benefícios.

A Suzantur classificou a paralisação como indevida.

Segundo a empresa, funcionários que estavam de férias e retornaram até o dia 13 de novembro não teriam direito ao benefício do vale salarial, que é o adiantamento do depósito de 40% dos salários no dia 20, mas alguns trabalhadores achavam que deveriam receber a parcela e cruzaram os braços.

A Suzantur ainda diz que, depois da paralisação, fez os depósitos e que depois vai verificar os descontos necessários do adiantamento.

A empresa ainda explicou que a ação não teve relação com o Sintetra, que é o sindicato dos motoristas e cobradores do ABC, e que se tratou de um ato isolado.

Por meio de nota, a prefeitura de Mauá informou que vai responsabilizar a Suzantur pela paralisção.

Paralisação de motoristas nesta sexta-feira (22) é de responsabilidade da Suzantur e a administração municipal tomará medidas cabíveis. A Prefeitura de Mauá informa que lamenta a paralisação dos motoristas de ônibus que operam nas linhas municipais, na manhã desta sexta-feira, em decorrência da falta de pagamento na remuneração de benefícios, assim prejudicando toda a população, sem qualquer aviso prévio. A administração municipal verifica as respectivas sanções à concessionária Suzantur, pelo descumprimento de suas obrigações

Em suas redes sociais, o prefeiro de Mauá, Átila Jacomussi, afirmou que a Suzantur vai ser multada.

É lamentável o ocorrido com a paralisação dos ônibus da Suzantur nesta sexta-feira, onde o maior prejudicado é o nosso povo trabalhador. O transporte público em Mauá é muito bem pago pela população e cabe à empresa prestar um serviço de qualidade. Nosso povo já sofre no dia a dia com a crise econômica e aperta o cinto para poder ir e voltar do trabalho, do médico, da escola e de seus compromissos. Por isso, é inadmissível o que aconteceu nesta manhã. Ninguém tem culpa, exceto a Suzantur, se houve um erro contábil ou financeiro, porque a população não pode pagar por isso. E me solidarizo também com os motoristas que não receberam seus benefícios. Nós vamos para cima e multar a empresa dentro das sanções cabíveis, porque aqui não tem brincadeira, é multa neles

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Comentários

  1. Valdeci disse:

    Sou morador de maua a 60 anos , acho uma pouca vergonha , ainda trabalho e não concordo com a paralisação , onde nós trabalhadores que dependemos do transporte público somos os mas prejudicados

  2. Marcelo disse:

    Volta LEBLON, que saudade desta empresa 😭

  3. Fabiana Teixeira disse:

    E PARA IR A FACULDADE???AONDE MORO É LONGE E SOZINHA NA RUA É PERIGOSO…

  4. Deise disse:

    Precisamos ouvir os dois lados se os funcionários realizaram a paralisação com certeza a uma outra versão que não conhecemos, eles tem o direito de realizar greve sim!

  5. Sandro Luís da Silva disse:

    Isso é uma vergonha pois o prefeito Átila jacomussi nas campanhas eleitoral dele ele prometia a cidade que no governo dele ele iria arrancar a Sucatur (palavras que o Átila dizia se referindo a Suzantur)e até hoje a Suzantur exerce serviços na cidade de Mauá.

  6. Sandro Luis disse:

    Vergonha desse prefeito Átila que sempre disse nas campanhas dele que no governo dele tiraria a Sucatur como ele dizia com as palavras dele se referindo a Suzantur.

Deixe uma resposta