Greve na Transunião: Uma linha deixa de ter PAESE e outra retorna à operação

Publicado em: 22 de novembro de 2019

Ônibus da Transunião. Foto de arquivo

De acordo com a SPTrans, a linha 4051/10 está em funcionamento e não há mais PAESE para a 3006

ADAMO BAZANI

Os ônibus da Transunião, na zona Leste de São Paulo, continuam parados, mas, segundo a SPTrans – São Paulo Transporte, houve alterações por volta das 9h30 na estratégia de atendimento na região atendida pela companhia.

Segundo a gerenciadora, após remanejamento de frota da empresa, a linha 4051/10 – Jardim São Paulo/CPTM Guaianases voltou a funcionar, sem a necessidade da operação PAESE – Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência.

Já a linha 3006 – Jardim Fanganielo/Estação CPTM Guaianases, passado o horário de pico da manhã, deixou de contar com o PAESE.

Permanece com o plano emergencial, a linha 2590: União de Vila Nova / Parque Dom Pedro II.

Com isso, são agora 40 linhas afetadas pela paralisação e mais de 400 ônibus sem operar correspondentes à frota da garagem da  Rua Tibúrcio de Souza, 2.083, no Itaim Paulista.

A paralisação atinge moradores de Itaquera, Guaianases, Itaim Paulista e São Miguel.

2004/10 Jd. Nsa. Sra. do Caminho – CPTM Guaianazes

2005/10 Jd. Romano – São Miguel

2006/10 Cid. Kemel I – CPTM Itaim Paulista

2007/10 Cid. Kemel II – CPTM Itaim Paulista

2008/10 Jd. Nsa. Sra. do Caminho – CPTM Itaim Paulista

2009/10 Jd. Robru – CPTM Guaianazes

2021/10 Jd. Bandeirantes – CPTM Guaianazes

2201/10 Div. de Ferraz – CPTM Guaianazes

2202/10 Hosp. Itaim – CPTM Guaianazes

2590/ União de Vl. Nova – Pq. D. Pedro II

2702/10 Vl. Americana – Metrô Artur Alvim

2702/21 Jd. Pedro José Nunes – Metrô Artur Alvim

2703/10 Jd. Etelvina Metrô Itaquera

2703/21 Jd. Etelvina – Metrô Itaquera

2703/22 Jd. Gianetti – Metrô Itaquera

2704/10 Jd. Robru – Metrô Itaquera

2705/10 Jd. Fanganielo – Metrô Itaquera

2707/10 Chabilândia – Metrô Itaquera

2707/31 Chabilândia – Metrô Itaquera

2708/10 Jd. Lajeado – Metrô Itaquera

3002/10 Jd. Mabel – São Miguel

3006/10 Jd. Fanganielo – CPTM Guaianazes

3006/21 Etec Guaianazes – CPTM Guaianazes

3008/10 Jd. Miriam – CPTM Itaim Paulista

3009/10 Itaim Paulista – CPTM Itaim Paulista

3010/10 Cem. da Saudade – Term . A. E. Carvalho

3026/10 Vl. Iolanda II – CPTM Guaianazes

3033/10 Guaianazes – São Mateus

3064/10 Cid. Tiradentes – CPTM Guaianazes

3064/41 Term. Cid. Tiradentes – Sta. Etelvina II B6

3754/10 Inácio Monteiro – Metrô Itaquera

3756/10 Barro Branco – Metrô Itaquera

3768/10 Vl. Yolanda – CPTM José Bonifácio

3795/10 Jd. São Carlos – Metrô Itaquera

4019/10 Metrô Itaquera – Circular

4052/10 CPTM Guaianazes – Metrô Itaquera

4053/10 Guaianazes – CPTM Guaianazes

4055/10 CPTM Guaianazes – Vl. Solange

4056/10 Pq. Boa Esperança – Term. São Mateus

407T/10 Jd. Redil – Metrô Itaquera

A empresa, que surgiu de cooperativa de transportes, está parada porque, segundo os funcionários, não pagou o salário de novembro e os depósitos do Vale-Refeição estão com atrasos de três meses.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Comentários

  1. Rodrigo Zika! disse:

    Eu li os outros posts dessa greve e não entendo, a partir do momento que a empresa não paga correto o sindicato quem deve intervir internamente e depois a SPTtrans tomar medidas, e outra se tem greve prejudica o povo que paga caro na passagem e pode ate não conseguir ir trabalhar dependendo do tipo de greve, e não indo pode perder o emprego, porque as empresas não estão nem ai se tem greve e porque faltou, então não tem como apoiar greve, se ela afeta todos na cidade.

Deixe uma resposta