Aplicativo ‘Carteira Digital de Trânsito’ ganha recurso que permite consulta de multas e avisa data de vencimento da CNH pelo celular

Publicado em: 20 de novembro de 2019

Ferramenta pode ser utilizada como substituta do documento físico de habilitação

JESSICA MARQUES

O Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) anunciou nesta semana novas funcionalidades para o aplicativo “Carteira Digital de Trânsito”. A ferramenta pode ser utilizada como substituta da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) física.

Segundo o Denatran, em breve, o aplicativo vai avisar a data de vencimento da CNH para que o motorista possa fazer a renovação com antecedência.

Além disso, a Carteira Digital de Trânsito também vai avisar o condutor em caso de recall do automóvel para que ele adote as devidas providências. A ferramenta também vai possibilitar a consulta de infrações registradas no nome do usuário.

Acompanhe o passo a passo para obter o aplicativo e cadastrar os documentos, segundo informações do Denatran:

  1. Instale o aplicativo “CDT – Carteira Digital de Trânsito” no seu smartphone (Android e iPhone);    
  2. Cadastro de usuário
    • Uma vez instalado o app abra e selecione: “Entrar com gov.br”
    • Na tela seguinte informe o CPF e selecione “Próxima”. (Tela do Gov.br)
    • Na próxima tela deverá ser informada a senha do usuário. Caso o usuário não possua conta no Gov.br, deverá criar uma conta, após criar a conta deve retornar ao aplicativo e clicar em “Entrar com gov.br”.
  3. Baixar CNHe
    • Após o login, selecionar a opção “Habilitação”, em seguida selecionar “Toque aqui para adicionar a sua CNH”;
    • Não estando habilitado, o usuário deve optar um módulo de autenticação, são eles: “Validação pelo celular(Validação Facial), Certificado Digital (Portal de Serviços Denatran), Sem certificado digital (Validação de balcão do Detran).
    • Uma vez optado pela validação facial o usuário deverá:
      • Informar o CEP à época da emissão da CNH Física;
      • Efetuar a leitura do QR Code;
      • Realizar a Validação Facial, atendendo às solicitações do aplicativo;
      • Ao final da validação facial, informar o número do telefone;
      • Pronto está disponibilizada a CNHe em seu smartphone;
  4. Baixar CRLV
    • Após o login, selecionar a opção “Veículos”, em seguida informar o número do Renavam e o Número de segurança do CRV (antigo DUT).
    • Selecionar incluir;
    • Pronto está disponibilizado o CRLVe em seu smartphone.

Segundo informações do Governo, se o motorista já era usuário do antigo aplicativo “CNH Digital”, basta atualizá-lo que já terá o aplicativo  da CDT – Carteira Digital de Trânsito com a CNH disponibilizada automaticamente.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta