Uber lança novo aplicativo que reúne de transporte público a serviços delivery

Publicado em: 27 de setembro de 2019

Foto: Divulgação

Empresa se move para se tornar a grande promotora do MaaS nas grandes cidades do mundo

ALEXANDRE PELEGI

A Uber deu o primeiro passo para inserir em sua plataforma a oferta de vários tipos de serviços de transporte e entregas.

Nesta quinta-feira, 26 de setembro de 2019, o CEO da empresa, Dara Khosrowshahi, anunciou as novidades, afirmando que a Uber quer ser “o sistema operacional da sua vida”.

O anúncio, feito em San Francisco, Califórnia (EUA), destacou a reunião no mesmo app de serviços já oferecidos pela Uber, que vão desde carros a entregas de comida (Uber Eats), passando pelo aluguel de patinetes da Lime e bicicletas (Jump, que integra também os patinetes, mas não está disponível no Brasil).

O ambicioso passo da gigante de tecnologia será testado agora em cidades de nove países, e trará novos recursos de segurança, além da integração com transporte público e programa de recompensas.

A grande novidade, sem dúvida, está na inclusão do transporte público como um dos itens do cardápio da plataforma Uber. Inicialmente o app dará mais informações e alternativas para os usuários, mas com o tempo a ideia é passar a vender passagens de ônibus, trem e metrô.

A integração ao aplicativo das informações de trajetos e horários de transporte público está presente já em Londres, Sydney e Chicago, sendo agora incluída para os usuários de Paris, Cidade do México e San Francisco.

A estimativa é que São Paulo recebe a novidade até o fim de 2019, além de outras 14 cidades mundiais.

Na disputa pelo futuro da tecnologia, a Uber faz mais um movimento que demonstra sua intenção de tornar realidade a promessa e o potencial da Mobilidade como Serviço (MaaS) nos Estados Unidos e em vários países onde atua.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta