Rodoviários ganham banheiros em pontos finais de linhas de Niterói

Publicado em: 14 de setembro de 2019

Equipamentos atenderão trabalhadores de seis empresas com pontos finais na Prainha, em Piratininga, Região Oceânica, e em Charitas, zona Sul de Niterói

ALEXANDRE PELEGI

A falta de banheiros em pontos finais de linhas de ônibus urbanos é um problema não só para os rodoviários que trabalham o dia todo, como para os usuários do serviço de transporte. Para os motoristas e cobradores, além do desconforto e do risco à saúde, eles são obrigados a usar instalações de bares, restaurantes e quiosques, nem sempre próximos dos locais de parada dos coletivos.

Esse problema vai ficar menor, pelo menos para 720 rodoviários que trabalham nas linhas de seis empresas com pontos finais na Prainha, em Piratininga, Região Oceânica, e em Charitas, Zona Sul de Niterói.

Em até duas semanas eles serão beneficiados com a inauguração de contêineres com banheiros e área de alimentação.

A colocação de banheiros nos pontos finais é tratada como conquista pelo Sintronac, que conseguiu os equipamentos junto ao prefeito Rodrigo Neves.

conteiner_Niteroi_ar_cond.jpg

Nesta sexta-feira, 13 de setembro de 2019, diretores do Sindicato dos Rodoviários de Niterói a Arraial do Cabo (Sintronac) vistoriaram a implantação dos equipamentos, em fase de finalização, com a instalação de ar-condicionado, energia elétrica e água.

Com banheiros masculino e feminino, lavatórios, espaço para a colocação de geladeiras e micro-ondas, os contêineres dispõem ainda de área para os despachantes controlarem o fluxo dos veículos.

Em Charitas, há pontos finais de linhas intermunicipais e municipais das empresas Viação 1001, Auto Lotação Ingá, Expresso Garcia e Expresso Miramar; na Prainha, operam as companhias Santo Antônio Transportes e Viação Pendotiba.

O prefeito demonstrou sensibilidade com a categoria, pois muitas vezes os rodoviários não têm tempo, entre uma corrida e outra, para ir a um banheiro distante dos pontos finais, o que termina afetando sua saúde. Agora, esperamos a colocação dos equipamentos em Itaipu. É a primeira vez, em toda história da categoria, que os rodoviários de Niterói ganham esse benefício”, afirmou o presidente do Sintronac, Rubens dos Santos Oliveira.

Na vistoria feita aos contêineres estavam diretores do Sintronac e o subsecretário municipal de Transportes, Murilo Moreira, além de representantes da empresa responsável pela instalação dos contêineres, a Brasteiner.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta