Governo do DF publica edital para execução de projetos e estudos de viabilidade de VLT entre Plano Piloto e Aeroporto

GDF promete iniciar operação de VLT entre Valparaíso e Brasília ainda em janeiro. Foto: TV Globo/Reprodução

Empreendimento será realizado por meio de uma parceria público-privada (PPP)

ALEXANDRE PELEGI

O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou no Diário Oficial do DF desta quarta-feira, dia 23 de janeiro de 2019, edital de chamamento de manifestação de interesse para a implantação de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) na via W3.

O edital, lançado pela Secretaria de Estado de Transporte e Mobilidade do DF (Semob) solicita a apresentação de projetos, levantamentos, investigações e estudos de viabilidade para a construção do novo sistema.

A ideia do GDF é implantar um sistema de transporte, dentro do Plano Piloto de Brasília, ligando o TAS-Terminal Asa Sul ao TAN-Terminal Asa Norte, passando pela via W3, utilizando tecnologia VLT e sua extensão até o aeroporto.

Os projetos, estudos, levantamentos ou investigações deverão compreender:

I – Extensão de 22 km de linha de VLT ligando o TAS ao TAN e ao aeroporto;

II – Alimentação elétrica, em princípio, por catenária, podendo ser utilizadas outras tecnologias,

III – Avaliação da retirada de circulação de todos os ônibus que hoje trafegam na Via W3;

VI – Implantação de sistema de circulação para bicicletas e pedestres, entre as quadras 600 e as quadras 900;

V – Operação e manutenção, por concessionária privada, dos sistemas de veículo leve sobre trilhos e de circulação para bicicletas e pedestres, entre as quadras 600 e as quadras 900.

O empreendimento será realizado por meio de uma parceria público-privada (PPP).

As empresas interessadas em apresentar projetos, estudos, levantamentos ou investigações, deverão entregar requerimento junto à Semob, no prazo de até 15 dias úteis a partir da data da publicação do edital. Após essa data, precisarão apresentar suas propostas em até 120 dias corridos.

VLT ENTRE BRASÍLIA E VALPARAÍSO (GO)

Ainda sem data definida, nos últimos dias de janeiro o VLT entre Brasília e Valparaíso, em Goiás, deverá começar a funcionar em caráter experimental. O trem que fará os testes do VLT estava previsto sair de Recife em 20 de janeiro de 2019, devendo chegar a Brasília até o fim deste mês, conforme previsão do governo.

O VLT terá viagens gratuitas por seis meses a partir de março. A informação foi divulgada pelo Governo do Distrito Federal.

Após 30 dias, a operação em fase de testes será aberta por seis meses aos passageiros, de forma gratuita.

Até agosto, as viagens seguirão o seguinte cronograma: de manhã, o trem sairá de Valparaíso rumo à Rodoferroviária de Brasília; à tarde, fará o caminho inverso. Relembre: VLT entre Brasília e Valparaíso, em Goiás, terá viagens gratuitas por 6 meses a partir de março

OUTROS PROJETOS

Segundo informações do Portal Metrópoles, o Governo do DF prevê ainda a construção de um VLT ligando a Avenida Hélio Prates ao Eixo Monumental. As informações, afirma o portal, estão contidas no Relatório do Governo de Transição 2019-2022, produzido pela equipe do governador Ibaneis Rocha (MDB) nos dois meses que sucederam as eleições.

No planejamento há previsão de compra de 30 carros para transportar os usuários do sistema pelos 22 quilômetros que separam as duas regiões administrativas.

O prazo para a execução das obras é de dois a quatro anos.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta