Chuva prejudica trens, metrô e ônibus em São Paulo nesta tarde

Alagamentos e falhas de energia atrasam a volta para casa do paulistano

JESSICA MARQUES / ADAMO BAZANI

A forte chuva que teve início na tarde desta terça-feira, 8 de janeiro de 2019, ainda atrasa a volta para casa do paulistano neste fim de dia. Alagamentos e falhas de energia afetaram a circulação de trens, ônibus e do metrô na cidade de São Paulo em pleno horário de pico.

A linha 11-Coral da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) opera com velocidade reduzida desde aproximadamente 16h, devido a alagamento na via.

Em seguida, por volta de 16h30, problemas técnicos no sistema de energia também afetaram a mesma linha. No momento, operação dos trens ocorre com lentidão entre as Estações Suzano e Estudantes.

A linha 12-Safira, por sua vez, apresentou problemas técnicos após o início das chuvas. Por conta da falha, os trens circulam com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as estações Engenheiro Manoel Feio e Calmon Viana.

A Linha 7-Rubi da CPTM também apresentou problemas técnicos nos equipamentos de vias e os trens circulam com maiores intervalos entre as Estações Francisco Morato e Jundiaí.

Na linha 15-Prata do monotrilho, administrada pelo Metrô, uma falta de energia elétrica afetou a operação dos trens entre as estações Vila Prudente e Vila União. Desde 17h24, a circulação ocorre com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as estações.

Os serviços de ônibus também são afetados pela forte chuva que atinge a capital paulista e parte da região metropolitana de São Paulo.

De acordo com o CGE – Centro de Gerenciamento de Emergências da prefeitura de São Paulo, até às 17h45 havia quatro pontos de alagamento intransitáveis.

As vias mais afetadas, ainda de acordo com o órgão, são a Avenida Aricanduva e a Avenida Luís Inácio de Anhaia Melo.

1623a18f-98f6-49a7-b1d0-90d4f918bb13
De acordo imagens de helicópteros de emissoras de TV, na Luís Inácio de Anhaia Melo, os bombeiros tiveram de resgatar passageiros de um ônibus da Via Sul, que ficou ilhado. Ninguém se feriu.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta