Fortaleza tem ataques a ônibus na noite desta quarta-feira, 2

Foto: Rafaela Duarte (Diário do Nordeste)

Criminosos incendiaram dois coletivos nos bairros Edson Queiroz e Parque Santa Rosa e tentaram derrubar um viaduto com explosivos

ALEXANDRE PELEGI

Dois ônibus foram incendiados em Fortaleza no final da noite desta quarta-feira, dia 2 de janeiro de 2019.

Criminosos também chegaram a colocar explosivos nas colunas de um viaduto próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal em Caucaia na madruga de hoje, dia 3. A explosão danificou as pilastras que sustentam a estrutura.

O jornal O Povo informou que as ações criminosas ocorreram após o novo secretário estadual da Administração Penitenciária, Luís Mauro Albuquerque, afirmar em seu discurso de posse que não reconhece facção criminosa no Ceará, garantindo que não manterá o modelo atual de divisão de presídios entre facções.

O primeiro ataque a coletivos foi registrado no bairro Edson Queiroz, no final da linha da comunidade do Dendê, por volta da meia noite. Já o segundo ataque ocorreu na Avenida Cônego de Castro, no bairro Parque Santa Rosa.

Não houve feridos. Em ambos os casos, segundo a Polícia, os criminosos pediram para os passageiros e motoristas descerem antes de atear fogo nos veículos.

Suspeitos de participarem nos ataques foram presos e conduzidos à Delegacia Metropolitana de Caucaia, dentre eles um menor de idade que foi levado à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), em Fortaleza.

FORTALEZA VIVEU SÉRIE DE ATAQUES A ÔNIBUS EM 2018

Entre julho e agosto a capital cearense viveu uma série de ataques a ônibus. Apenas entre os dias 27 e 29 de julho de 2018, segundo informações do Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Ônibus), 14 ônibus foram incendiados julho em Fortaleza e Região Metropolitana.

Relembre: Ataques a ônibus de Fortaleza causaram perda total em dez veículos, segundo o Sindiônibus

O secretário de Segurança Pública do Ceará chegou a anunciar, no dia 29 de julho, uma série de medidas, visando reforçar o policiamento em terminais e ônibus que circulam durante a madrugada.

Relembre: Após ataques, secretário de Segurança do Ceará anuncia reforço no policiamento em terminais e ônibus

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta