Empresas de ônibus de Belo Horizonte dizem que vão recorrer de decisão que suspendeu aumento de tarifa

Empresas de ônibus alegam desequilíbrio econômico – Foto: Alex Bola (Clique para Ampliar).

Ação alega que houve falta de parâmetros para o reajuste a R$ 4,50

ADAMO BAZANI

As empresas de ônibus de Belo Horizonte, por meio do SetraBH, sindicato que reúne as viações, informou nesta terça-feira, 01º de janeiro de 2019, que vai recorrer da decisão da justiça que de forma liminar (provisória) suspendeu o aumento da tarifa básica dos atuais R$ 4,05 para R$ 4,50.

O reajuste chegou a ser aplicado na segunda-feira, 31 de dezembro de 2018, apesar da decisão da juíza Dênia Francisca Corgosinho Taborda, que atendeu ação movida pelos movimentos Nossa BH e Tarifa Zero, que alegam ter faltado parâmetros claros para justificar os novos valores.

A tarifa básica tinha ido de R$ 4,05 para R$ 4,50, a tarifa dos ônibus suplementares foi de R$ 0,90 para R$ 1, as linhas periféricas e de trajeto menor tiveram reajuste tarifário de R$ 2,85 foram para R$ 3,15 e o táxi-lotação foi de R$ 4,45 para R$ 5.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/12/31/mesmo-com-suspensao-do-aumento-pela-justica-onibus-de-belo-horizonte-circulam-com-tarifa-reajustada/

As companhias de ônibus alegam que o não reajuste pode causar desequilíbrio econômico no sistema de transportes e gerar  dificuldades de plena prestação de serviços.

Além do SetraBH – Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte, foram notificadas a BHTrans e Prefeitura de Belo Horizonte (PBH).

Entretanto, BHTrans, que gerencia os transportes, e a prefeitura não devem recorrer.

O MP – Ministério Público moveu na última sexta-feira, 28 de dezembro de 2018, inquérito para investigar o aumento e cobrar da prefeitura informações sobre as justificativas do ajuste.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Rogerio Belda disse:

    Digam-me: A quanto tempo, pela sua experiência, você não viu uma moeda de:
    R$ o,o5 ?
    R$ o,10 ?
    Rogerio Belda

  2. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    O duro é tanto trabalho e energia despendidos para um resultado já sabido.

    O aumento será aplicado.

    Esse é o Barsil de tanta perda de tempo e das inutilidades, sobre questões óbvias.

    Se a Petrobrás aumenta o Diesel …

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta