Após mais de três horas com velocidade reduzida, linhas 10-Turquesa e 7-Rubi da CPTM têm operação normalizada

Na Linha Rubi, os trens sentido Francisco Morato não estavam obedecendo parada na estação Piqueri e usuários tinham que voltar sentido Luz. Foto: Divulgação

Lentidão teve início por volta de 15h devido a falha em trem e problemas técnicos em equipamento de via, respectivamente

JESSICA MARQUES

Após mais de três horas com velocidade reduzida, linhas 10-Turquesa e 7-Rubi da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) estão com operação normalizada.

Segundo a companhia, os trens começaram a operar normalmente às 18h38 e 18h22, respectivamente. O problema teve início por volta das 15h em ambos os casos.

A Linha 10 liga Rio Grande da Serra, no ABC Paulista, ao Brás, na capital, passando por outros municípios da Grande São Paulo. Neste trajeto, os trens circularam com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as Estações Mauá e Rio Grande Da Serra, devido a uma falha em trens.

Na Linha Rubi, por sua vez, os trens sentido Francisco Morato não estavam obedecendo parada na estação Piqueri. Os usuários com destino à estação Piqueri tinham que fazer a transferência na estação Pirituba para retornar no trem sentido estação Luz. A falha ocorreu por problemas técnicos em equipamento de via.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta