Estudo reúne mudanças para reduzir despesas no transporte coletivo de Joinville

Uma das alterações propostas é ampliar o período de horário reduzido de operação no final do ano. Foto: Divulgação.

Objetivo é evitar maior reajuste na tarifa de ônibus do município

JESSICA MARQUES

Um estudo está sendo feito para reunir sugestões de mudanças que contribuam para reduzir as despesas no transporte coletivo de Joinville, em Santa Catarina. O objetivo é evitar que um maior reajuste na tarifa de ônibus seja aplicado no município.

Segundo informações de Jefferson Saavedra, do portal regional NSC Total, o estudo está em fase final e será apresentado no final deste ano.

Uma das alterações propostas é ampliar o período de horário reduzido de operação no final do ano. Em 2017, a redução de frequências foi de 26 de dezembro a 12 de janeiro. desta vez, a proposta é de que a mudança ocorra de 17 de dezembro a 26 de janeiro, passando de 18 para 40 dias.

Um pedido de reajuste de tarifa já foi protocolado pelas empresas na Prefeitura de Joinville. Atualmente, o preço da passagem está em R$ 4,30 se comprada com antecedência e R$ 4,65 se adquirida dentro do ônibus.

Além disso, as empresas apelaram no Tribunal de Justiça com relação à decisão de junho da 1ª Vara da Fazenda Pública sobre a licitação do transporte coletivo.

A sentença reconhece que há um desequilíbrio no contrato e R$ 125 milhões em defasagem na planilha. Desta forma, em um ano deve ocorrer uma nova licitação e o valor valerá como outorga a ser apresentada pelas empresas interessadas.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta