Estações da Linha 13 do Aeroporto não despertaram interesse de comerciantes e licitação não teve propostas

Estação CECAP de Guarulhos. Demanda da linha está em crescimento, mas abaixo da capacidade. Foto: Adamo Bazani (Diário do Transporte)/Clique para Ampliar

CPTM deve fazer nova concorrência. Empresa quer conceder espaço para lojas, quiosques e balcões

ADAMO BAZANI

Ninguém se interessou por espaços que a CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos queria conceder para a instalação de lojas, quiosques, balcões e áreas de merchandising nas três estações da Linha 13-Jade, que tem 12,2 km: Engenheiro Goulart (zona Leste da capital paulista), CECAP (integrada ao Terminal de Ônibus Cecap, em Guarulhos) e Aeroporto (que fica na região do Aeroporto Internacional, em Guarulhos).

A licitação realizada nesta semana resultou em “deserta”, ou seja, não teve propostas.

A CPTM deve lançar um novo edital, reabrindo a concorrência.

Diversas situações contribuíram para a Linha 13-Jade ainda não alcançar a capacidade total do número de passageiros, apesar de estar com demanda crescente.

Prometida para ser aberta antes da Copa do Mundo no Brasil de 2014, a linha 13 Jade foi inaugurada em 31 de março de 2018, funcionando em horário reduzido, apenas aos sábados e domingos, das 10h às 15h.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/03/31/alckmin-inaugura-linha-13-jade/

A inauguração foi marcada por críticas do Governo do Estado à concessionária do aeroporto, GRU Airport.

O projeto original previa que o trem da CPTM chegasse até o terminal 3 do Aeroporto, partindo da Estação da Luz.

Mas o ponto inicial é apenas na Estação Engenheiro Goulart da linha 12-Safira e o trem não chega até o aeroporto.

Foi projetada a construção de um “People Mover”, semelhante a um monotrilho, que seria de responsabilidade da GRU Airport, mas segundo o Governo do Estado, a concessionária do aeroporto não cumpriu a promessa. A estação Aeroporto possui uma área destinada para conexão com este modal.

O Secretário de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, disse no dia 27 de outubro de 2018, durante a inauguração da Estação São Paulo-Morumbi da linha 4 do Metrô, que é dever do próximo governador continuar cobrando o cumprimento da promessa, mesmo que judicialmente.

Atualmente os passageiros devem descer na estação Aeroporto, percorrer um longo trajeto a pé dentro das dependências da CPTM e embarcar em ônibus sem cobrança de passagem cedidos pela GRU Airport.

Em 30 de abril, a linha 13-Jade passou a funcionar todos os dias.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/04/27/linha-13-jade-do-aeroporto-em-guarulhos-passa-a-funcionar-todos-os-dias-a-partir-de-segunda-30/

A operação comercial, das 04h00 à meia noite durante a semana e das 04h00 à 01h00 aos finais de semana, com cobrança de passagem, só ocorreu a partir de 04 de junho.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/06/04/linha-13-jade-do-aeroporto-ja-esta-em-operacao-comercial/

O serviço Connect da Linha 13 Jade, prometido para junho, depois agosto e em seguida para setembro, só começou a operar no dia 03 de outubro de 2018, com partidas da estação Brás até o Aeroporto. O trem faz paradas nas estações da linha e tarifa é a mesma de todo o sistema.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/10/01/prometida-para-setembro-operacao-de-trens-da-estacao-aeroporto-ao-bras-comeca-nesta-quarta-feira-na-linha-13-jade/

Já a o serviço Express, com partidas da Estação da Luz, em trem expresso sem paradas nas demais estações e tarifa custando o dobro, sem a possibilidade de uso de gratuidades, começou a operar em 16 de outubro. A promessa inicial era de operação em julho:

https://diariodotransporte.com.br/2018/10/16/cptm-inaugura-linha-expressa-entre-luz-e-aeroporto-mas-ainda-nao-ha-previsao-de-modernizacao-de-linhas-compartilhadas/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

2 comentários em Estações da Linha 13 do Aeroporto não despertaram interesse de comerciantes e licitação não teve propostas

  1. O governo esperava o que? Que a linha bombasse de usuários, sendo que nem chega ao terminal do aeroporto, que seria o minimo? Uma piada.

  2. E o Connect era pra funcionar das 05:00 às 09:00 e das 16:00 às 20:00. Hoje essa operação só funciona nos horários específicos que atrapalha a ida e a volta do trabalhador de Guarulhos que poderia chegar mais cedo em casa com essa linha. #VergonhaCPTM

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: