Após CS Brasil deixar Itaquaquecetuba e Expresso Planalto entrar, prefeitura diz que vai fazer licitação

Ônibus, funcionários e linhas foram assumidos por grupo mineiro. Garagem continua com CS Brasil/Júlio Simões. Foto: Diego Alexandre de Morais/Clique para ampliar

Segundo poder público, em cerca de 15 dias, as linhas gerais da licitação devem ser apresentadas. Troca de empresas ocorreu a dois dias do fim do contrato

ADAMO BAZANI

A prefeitura de Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, anunciou que em aproximadamente 15 dias vai apresentar as linhas gerais de uma licitação do sistema municipal de ônibus.

O anúncio ocorre há exatos dez dias após a troca de empresas da cidade.

Como mostrou o Diário do Transporte em primeira mão, a CS Brasil, do Grupo JSL – Júlio Simões, passou as operações para o Grupo CSC, da qual faz parte a Expresso Planalto, de Minas Gerais.

O grupo mineiro assumiu as linhas, os ônibus e os funcionários da CS Brasil. A garagem continua com o Grupo JSL, proprietário da CS Brasil.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/11/08/grupo-jsl-diz-que-fim-das-operacoes-da-cs-brasil-em-itaquaquecetuba-foi-decisao-estrategica/

De acordo com a prefeitura, o contrato com a CS Brasil (Grupo JSL) foi assinado em 1998. Em 2008, foi renovado por mais dez anos.

A transferência das operações, funcionários e ônibus da CS Brasil para o grupo CSC ocorreu a dois antes do fim de contrato, ainda segundo a administração municipal.

De acordo com a prefeitura, a nova empresa poderá ficar operando até a assinatura de um novo contrato após a licitação.

QUATAI COM JSL NA SOCIEDADE:

No âmbito da mudança no sistema,  surgiu a Quatai Transporte de Passageiros SPE LTDA.
De acordo com a Junta Comercial do Estado de São Paulo, a “nova empresa”, constituída em 25 de setembro de 2018, tem o Grupo JSL na sociedade.
Aparecem como sócios: Denys Marc Ferrez, Fábio Albuquerque Marques Velloso, JSL Empreendimentos Imobiliários Ltda. e JSL S.A.
O Grupo JSL é proprietário da CS Brasil.

Por motivo de segurança pessoal, os endereços e dados documentais relacionados aos nomes foram omitidos pela reportagem, apesar de os documentos da Jucesp – Junta Comercial de São Paulo serem públicos.

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

9 comentários em Após CS Brasil deixar Itaquaquecetuba e Expresso Planalto entrar, prefeitura diz que vai fazer licitação

  1. Esperamos é que esse transporte público que a anos desrespeita o usuário, venha conhecer que assim como precisamos dele, eles precisam mais de nós,todas as revindicações do ministério público seja atendida.Ou seja,menor tempo de espera,mais veículos e com boa qualidade, integração ônibus/ônibus e ônibus/trem, mais linhas de ônibus que realmente atenda todos os bairros, diminuição de tempo de espera, capacitação dos profissionais, canais de relacionamento que realmente nós atenda e a mesma tarifa, visto que essa já é muito cara por anos de péssimo serviço!

  2. Adamo, por que a CS Brasil vem deixando de operar em algumas cidades? Ela já deixou a EMTU aqui em SP e agora em Itaquá. Daqui a pouco fará isso em São José dos Campos também

  3. Yasmin Rodrigues do Nascimento // 11 de novembro de 2018 às 11:23 // Responder

    Será que o ônibus via Etec irá voltar?

  4. Espero que essa nova licitação, traga avanços para as linhas que vão transitar pela cidade, por que como já foi dito, a CS Brasil estava longe de ser a prestadora de serviços dos sonhos, mas ainda assim estavam sendo bem paga para isso. Espero que criem mais alternativas para outros bairros, aumente o numero de ônibus para a cidade toda e não só para um bairro em especifico, que seja carros com o mínimo de tecnologia. já que quem vem do centro de São Paulo pra quem sente o atraso que ainda temos com relação a transporte publico.

  5. O transporte público em Itaquá está péssimo, com má qualidade, meu filho perdeu o horário da escola ficou uma hora no ponto e não passou nenhum ônibus, quando nesse período era pra ter passado dois, e no domingo ele perdeu a prova do ENEM por não passar ônibus no horário devido. Como se não bastasse os ônibus não estão fazendo integração. esse preço da passagem é um absurdo pelo que a empresa oferece…

  6. cs brasil um lixo a jsl comandando aqui é um atraso de vida eu queria q fosse ao menos a sambaiba mas é impossivel pq a droga da julio simoes nao deixa esse expreeso planalto de minas ou a quatai é do mesmo grupo isso ai é engana trouxa abra o olho pessoal nao se deixe enganar pelo nome da empresa ou onibus

  7. Mauricio Alexandre de Almeida // 11 de janeiro de 2019 às 12:08 // Responder

    Eu espero que essa nova empresa de ônibus traga um pouco de conforto e atenda as necessidades da cidade que infelizmente tem um dos piores transporte publico do Estado de SP. Pois vai fazer dois anos que mudei para Itaquaquecetuba e nunca tinha visto um sistema de transporte tão ruim em minha vida.
    Atenciosamente: Mauricio.

  8. os motoristas são despreparados tratam o usuário como uma mal educação não respeita os idosos não respeita os outros motorista de carro de passeio atravessam os veículos ocupando duas faixas dificultando os outros veiculo em fim AINDA A JULIO SIMÕES QUE VAI MANDAR NO MUNICÍPIO

    EMFIM
    MUDA A CACÇAMBA MAS O LIXO E O MESMO.

  9. Ette Medeiros da Silveira // 16 de janeiro de 2019 às 13:52 // Responder

    Pelo amor de Deus! Está saindo um lixo e entrando outro pior! NÃO CUMPREM HORÁRIO, não param no ponto (cortam o ponto), e ainda xingam se o passageiro reclama! Esse prefeito deveria ter mais respeito com a população de Itaquaquecetuba, ele foi eleito para trabalhar pelo povo e agora se esconde para não dar satisfação de seus atos! Itaquá está largada às traças! CADÊ O PREFEITO?

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: