Novacap descarta risco de desabamento em rodoviária de Brasília, que terá trecho interditado por cinco dias

Terminal foi parcialmente interditado no fim da tarde desta quarta-feira. Foto: Divulgação.

Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil afirma que dano em 10 dos 60 cabos não afeta estrutura do terminal

JESSICA MARQUES

A Novacap (Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil ) descartou o risco de desabamento na Rodoviária do Plano Piloto, no centro de Brasília. O terminal foi parcialmente interditado no fim da tarde desta quarta-feira, 10 de outubro de 2018.

A interdição ocorreu enquanto funcionários de uma empresa terceirizada a serviço da Vivo realizavam obras no local para a instalação de internet. Na ocasião, a equipe rompeu cabos de sustentação de um pilar, que fica entre o teto e o forro da rodoviária.

Relembre: Rodoviária de Brasília é parcialmente interditada pela Defesa Civil

A interdição ocorreu por risco de desabamento e compreendeu 2,4 mil metros quadrados, divididos entre as plataformas superior e inferior.

Apesar de não haver mais risco de desabamento, o trecho vai ficar interditado por cinco dias, segundo previsão da Novacap. Além da área operacional, escadas rolantes e comércios próximos ao ponto de embarque do BRT também foram isolados.

O diretor-presidente da Novacap, Júlio Menegotto, informou ao Correio Braziliense que 10 de 60 cabos foram comprometidos durante a atividade, mas a estrutura do local não foi afetada. Além disso, Menegotto afirmou ainda que a equipe não tinha autorização para realizar a instalação na rodoviária.

“Obras na Rodoviária precisam que o projeto seja apresentado ao DFTrans e analisado por uma junta de engenheiros”, disse o diretor-presidente ao Correio Braziliense.

O Governo do Distrito Federal informou que vai notificar a Vivo para que a empresa arque com os reparos.

Em nota, a companhia informou que “está em contato com os órgãos competentes para fornecer todas as informações necessárias e tomar as medidas cabíveis”.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: