Polícia Civil abre inquérito para investigar incêndio que destruiu 12 ônibus em garagem de Jundiaí

Os ônibus danificados estavam disponíveis para venda. Foto: Moniele Nogueira/TV TEM

Veículos estavam na empresa Viação Jundiaiense

JESSICA MARQUES

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o incêndio que destruiu 12 ônibus da Viação Jundiaiense nesta terça-feira, 9 de outubro de 2018. Os veículos estavam na garagem da empresa, responsável pela operação do transporte público da cidade de Jundiaí, no estado de São Paulo.

O inquérito foi aberto pela Delegacia de Investigações Gerais de Jundiaí nesta quarta-feira, 10 de outubro de 2018. Segundo informações do boletim de ocorrência, o fogo foi controlado pelos bombeiros após cerca de uma hora.

Relembre: Ônibus do transporte coletivo de Jundiaí pegam fogo em garagem

Apesar de a Viação Jundiaiense ser responsável pela operação do transporte público de Jundiaí, o serviço não foi afetado pelo incêndio. Os ônibus que foram danificados estavam desativados, portanto não integravam a frota do sistema municipal.

Ainda conforme consta no boletim de ocorrência, os ônibus que foram danificados pelo incêndio não têm seguro e estavam sem combustível, com as baterias descarregadas. Os veículos estavam na garagem disponíveis para venda.

As causas do incêndio ainda não foram esclarecidas e nenhum suspeito foi identificado até o momento. Estiveram no local policiais do 2º Distrito Policial, policiais militares, a perícia e a equipe Apolo 3 da Delegacia de Investigações Gerais.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: