Após vistoria em pista do BRT Transcarioca Crivella encontra irregularidades e afirma: “Recebemos gato por lebre”

Publicado em: 6 de outubro de 2018

Foto: Divulgação (publicado em O Dia/RJ)

Prefeito do Rio esteve nesta sexta-feira verificando trecho do BRT Transcarioca, e estima que prejuízo com obra pode ser de ao menos R$ 15 milhões

ALEXANDRE PELEGI

Parte das obras do BRT Transcarioca pode ter dado um prejuízo de R$ 15 milhões à prefeitura do Rio de Janeiro.

Esta é a conclusão a que chegou o prefeito da capital e também engenheiro Marcelo Crivella, ao fazer nesta sexta-feira, dia 5 de outubro, uma vistoria ao piso do corredor de ônibus.

A visita do prefeito ocorreu, não por coincidência, após o ex-secretário de Obras da prefeitura na gestão Eduardo Paes, Alexandre Pinto, preso pela força-tarefa da Lava-Jato nesta semana, ter denunciado uma série de irregularidades em obras feitas no município, dentre as quais as do corredor BRT Transbrasil. Relembre:

Ex-secretário diz que Eduardo Paes recebeu propina da Odebrecht na construção do BRT Transoeste

À reportagem do jornal O Dia o prefeito disse que, depois da delação do ex-secretário Alexandre Pinto, “nós fizemos uma inspeção em apenas um metro quadrado e verificamos que a espessura do concreto e das ferragens é muito menor do que o contratado e também não tem malha de aço. Recebemos gato por lebre”.

Afirmando que a prefeitura quer receber o que foi pago, ele ressaltou que a obra “ainda está na garantia de contrato e vamos chamar as empresas para explicarem porque não cumpriram o projeto“.

Crivella encontrou irregularidades nas cercanias da estação Ibiapina, na Penha, e apontou três que ele considera “graves”: a espessura do concreto com menos 9 centímetros do que o projeto determina (15 centímetros quando deveria ter 24); sem amarrações em malha de aço; e juntas transversais (também em aço) cinco vezes menores.

Na avaliação de Crivella, caso este padrão de irregularidades se estenda ao longo de todo a pista do corredor, a obra terá causado um prejuízo aos cofres da prefeitura de pelo menos R$ 15 milhões.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Comentários

  1. Acaba com este BRT , transiente porra volta com as linhas de ônibus de volta e com os cobradores seu prefeito imbecil.

  2. Sheila disse:

    esse Eduardo paz so deixou, prejuízo, só de olimpíadas milhões de dividas fora os hospitais dos queprados os bueiros intupidos,. passagem de ônibus almentando sempre, agora, o Crivella tem que resolver tudo em um ano

  3. Luciano Viana disse:

    Os cariocas na hora que elegeram o prefeito também receberam gato por lebre, ou estou errado?

  4. Marco disse:

    Nossos transporte hoje em dia , as empresas estão diminuindo a frota e quem paga por isso somos nós usuários.
    Fica aqui o meu desabafo

Deixe uma resposta para Luciano Viana Cancelar resposta