Visate recebe multa de R$ 21,3 mil por viagens não realizadas e descumprimento de horário

A Secretaria de Trânsito informou, em nota, que o valor corresponde a 45 viagens não cumpridas e 34 atrasos. Foto: Divulgação.

Empresa diz que notificações representam 0,01% das partidas e recorreu

JESSICA MARQUES

A Visate, concessionária que opera o transporte coletivo em Caxias do Sul (RS), recebeu uma multa de R$ 21,3 mil por viagens não realizadas e descumprimento de horário.

A Secretaria de Trânsito informou, em nota, que o valor corresponde a 45 viagens não cumpridas e 34 atrasos.

A Visate informou também que recorreu das notificações, mas a Procuradoria-Geral do Município emitiu um parecer recomendando a rejeição do recurso e aplicação da multa.

A aplicação das multas foi decidida pelo prefeito Daniel Guerra, que aceitou a recomendação da Procuradoria-Geral.

Apesar da decisão da administração municipal, em comunicado, a Visate informou que 4,25 milhões de viagens foram realizadas entre dezembro de 2016 e julho de 2018 e que, no mesmo período, foram recebidas 305 notificações. Portanto, o número de falhas corresponde a uma de cada 13.701 viagens, o que seria 0,01%.

O comunicado também cita que nem sempre é possível cumprir todas as expectativas devido às condições do trânsito, mas que “a concessionária trabalha para que haja excelências nos serviços”.

As multas foram aplicadas com base em reclamações recebidas pelo Alô Caxias. Segundo informações da Secretaria de Trânsito, os passageiros podem registrar uma ocorrência com o transporte público por meio do telefone 156.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta