Sorocaba inicia obras do primeiro corredor de BRT

Foto: Emídio Marques (Jornal Cruzeiro do Sul)

Iniciadas pela Avenida Itavuvu, principal eixo viário da cidade, obras deverão durar de cinco a seis meses

ALEXANDRE PELEGI

Como já noticiado pelo Diário do Transporte (Relembre), as obras do BRT de Sorocaba tiveram início neste sábado, dia 22 de setembro de 2018. A previsão inicial era para agosto.

As obras do primeiro corredor de ônibus foram iniciadas pela Avenida Itavuvu, onde trafegam cerca de 45 mil veículos por dia, e deverão durar cinco meses. As primeiras intervenções serão realizadas em trechos de 300 metros.

O prefeito José Crespo aposta que a diminuição no tempo de viagem motivará as pessoas a usarem serviço de ônibus, que interligará o bairro Vitória Régia, na zona norte, e o centro da cidade. Pelas estimativas da prefeitura o tempo do trajeto por ônibus reduzirá a viagem, hoje feita por carro, de 1h10 para 25 minutos.

O secretário Luiz Alberto Fioravante, presidente da Urbes e titular da pasta de Mobilidade e Acessibilidade, explicou que as obras do Corredor BRT serão feitas em trechos sucessivos: “Fazemos 300 metros. Aprontou esses 300 metros, vai para o próximo. Então, acredito que em cinco meses a gente libera essa avenida”, afirmou o gestor ao jornal Cruzeiro do Sul.

O investimento total é de R$ 384 milhões. As obras serão executadas pelo consórcio formado pelas empresas CS Brasil e MobiBrasil, que vai operar o sistema por concessão por vinte anos. Do total de recursos, parte do financiamento provém do Ministério das Cidades – R$ 133 milhões. A prefeitura aportará R$ 6,6 milhões. O restante dos custos serão bancados pelo Consórcio, por meio de financiamentos privados.

O corredor da Avenida Itavuvu é o primeiro de uma série de três. Os outros dois, previstos no contrato com o consórcio que vai operar o BRT, serão nos eixos das avenidas Ipanema (zona norte) e General Carneiro (zona oeste).

A entrada em operação do BRT, segundo garante a prefeitura de Sorocaba, não vai alterar a tarifa do transporte coletivo, hoje em R$ 4,20.

CORREDORES BRT – SOROCABA

O Corredor Itavuvu terá 5,9 quilômetros de extensão, 10 estações de embarque e desembarque, duas estações de transferências, e um terminal na rua Antônio Silva Saladino.

O Corredor Ipanema terá 6,5 quilômetros de extensão, com 9 estações de embarque e desembarque, uma estação de transferência, e um terminal na rua Comendador Genésio Rodrigues.

Já o Corredor Oeste (Armando Pannunzio/General Carneiro) terá 4,7 quilômetros de extensão, 10 estações de embarque e desembarque, uma estação de transferência, um terminal na avenida Armando Pannunzio, com intersecção com a rua Antônio Aparecido Ferraz.

A expectativa inicial da Prefeitura de Sorocaba é que as obras do BRT sejam concluídas em 24 meses, com expectativa de entregar as primeiras intervenções em oito meses.

A Prefeitura de Sorocaba informou que a frota de ônibus para o BRT deverá ter 125 veículos novos com Wi-Fi, sendo 41 articulados com capacidade para 141 passageiros, 11 padrons especiais, com capacidade para 96 passageiros e 73 padrons, com capacidade para 82 passageiros, todos com ar-condicionado.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Eu participei da cerimônia de inauguração das obras do BRT de Sorocaba, onde fui citado pelo prefeito José Crespo como o idealizador do projeto aqui na cidade. Discursei por um tempo e fui ovacionado por todos os presentes.

    De fato, eu sou o idealizador do BRT de Sorocaba. Em 2011, apresentei um projeto de minha autoria chamado BRT Eixo Norte, no qual levei seis meses para desenvolver, em audiência pública na Câmara de Sorocaba; foi a primeira vez que se falou em BRT na cidade.

  2. Dalva dos Santos disse:

    UFA GRAÇAS A DEUS CHEGOU TARDE MAIS CHEGOU

  3. DALVA DOS SANTOS disse:

    Passou da hora esperamos melhorar

Deixe uma resposta