Blumenau realiza entrega de 37 novos ônibus, e garante mais 28 para outubro

Foto: Marcelo Martins

Blumob terá 94% da frota renovada este ano. Sistema de biometria facial, implantado há um mês, já tem primeiros resultados

ALEXANDRE PELEGI

Conforme o Diário do Transporte havia anunciado no dia 18 de agosto de 2018, a Blumob, empresa que presta o serviço de transporte público em Blumenau, cidade do Vale do Itajaí em Santa Catarina, já incorpou 37 novos ônibus à frota no mês de agosto.

Relembre: Blumenau terá 60 ônibus novos até outubro

Em comunicado, a prefeitura da cidade catarinense informou que no dia 6 de setembro, véspera do feriado, ocorreu a entrega simbólica dos veículos zero quilômetro na garagem da empresa BluMob.

Os novos ônibus têm acessibilidade, acesso gratuito à internet via Wi-Fi e tomadas USB para dispositivos celulares e tablets. Categoria convencional leve, os novos veículos são Mercedes Benz OF 1519 Marcopolo Torino, sendo três micro-ônibus Mercedes Benz LO 916 Marcopolo Senior.

Com a entrada em operação dos novos ônibus, a Blumob tem agora 81% da frota renovada.

MAIS ÔNIBUS EM OUTUBRO

O prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, esteve na garagem da empresa para a entrega simbólica dos novos veículos, ocasião em que destacou a vinda de mais 28 ônibus no mês de outubro. “Ainda neste semestre estaremos com 94% da frota renovada e no ano que vem chegam os outros 17 veículos. Em 2019 a frota estará totalmente nova, antecipando em um ano a previsão contratual”, comentou.

O processo de renovação da frota começou em de julho de 2017, quando a empresa do grupo Piracicabana assumiu a prestação do serviço de transporte coletivo na cidade.

biometria_blumenau

Foto: Marcelo Martins

BIOMETRIA FACIAL

A frota da Blumob completou o primeiro mês de funcionamento da biometria facial, tecnologia implantada para evitar fraudes no uso dos cartões estudante e passe livre.

Marcelo Althoff, presidente do Serviço Autônomo Municipal de Trânsito e Transportes de Blumenau (Seterb), ressaltou os primeiros dados do sistema, iniciado no dia 6 de agosto, afirmando que a tecnologia já trouxe resultados positivos. Em seu primeiro mês de funcionamento gerou o bloqueio de 199 cartões, sendo 193 de estudante e 6 seis de passe livre.

“Infelizmente foram detectadas inconsistências por uso irregular dos cartões. Pessoas que não eram as proprietárias dos mesmos e estavam utilizando indevidamente. Reforço que os cartões só podem ser usados pelos seus titulares, que são os beneficiários da gratuidade”, disse o gestor.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta