Prefeitura de Mogi Mirim retoma integração no transporte público

Baldeação deverá ser realizada na região central, tendo o Jardim Velho como o ponto mais conhecido. Foto: Divulgação.

Benefício é válido apenas para as linhas 8, 13, 14 e 17

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Mogi Mirim, no estado de São Paulo, retomou a integração no transporte público a partir desta terça-feira, 7 de agosto de 2018. Contudo, o benefício só está sendo válido para quatro linhas.

Os itinerários contemplados com a integração são os das linhas 8, 13, 14 e 17, que circulam nos bairros Jardim Planalto, Residencial Floresta, Chácaras Sol Nascente, Pirapitingui, Mato Dentro e Martim Francisco.

Outra restrição é que a baldeação deverá ser realizada na região central, tendo o Jardim Velho como o ponto mais conhecido, conforme informado pela Prefeitura.

A intenção do município é que a população desta região pague uma única passagem para se dirigir a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) ou a bairros da zona Leste.

“Essas linhas são propícias para a Integração. Todas elas param no Jardim Velho e não possuem sequência, enquanto que as demais linhas já são itinerários que transitam bairro a bairro”, disse o chefe de Gabinte, Guto Urbini, em nota.

Ainda de acordo com informações da Prefeitura, para a inserção das quatro linhas no sistema de integração, a empresa responsável pelo transporte urbano estendeu o horário de funcionamento da linha 10 (Santa Úrsula/Santa Cruz) até às 23h40, tanto nos dias úteis quantos nos finais de semana.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: